Mala de maternidade: como organizar

Chegou a reta final! O preparo da mala de maternidade é feito no último mês de gestação, próximo ao parto. Nela você vai precisar…

Chegou a reta final! O preparo da mala de maternidade é feito no último mês de gestação, próximo ao parto. Nela você vai precisar levar tudo o que for preciso para o nascimento do bebê, seja para o pequeno e para você. Roupinhas e itens higiênicos são indispensáveis e básicos. Confira mais sobre como organizar a mala de maternidade e o que levar nela.

A mala de maternidade deve estar preparada com um mês de antecedência. (Foto: Divulgação)

Itens do bebê para a mala de maternidade

Vamos listar primeiros os itens do bebê. Confira uma pequena lista do que você precisa levar para que o bebê fique amparado e com conforto.

– 6 macacões tamanho RN;

– 6 bodies ou camisas tipo pagão;

– 6 calças com pé (mijão);

– 1 manta de algodão;

– 2 xales de linha ou lã (pode ser um só, especialmente se estiver calor);

– 2 casaquinhos de lã, de preferência com botões na frente e que não tenham que passar pela cabeça;

– Fraldas de tecido para apoiar no ombro ao colocar o bebê para arrotar;

– 6 paninhos de boca;

– 6 pares de meias, se estiver muito frio.

Leve tudo o que o bebê precisa para os primeiros momentos de vida. (Foto: Divulgação)

Itens da mamãe para a mala de maternidade

Essas são apenas algumas ideias para mala de maternidade, mas é lógico que as mamães ficam livres para escolher o que levar. Algumas mães acabam exagerando e levando o que não é necessário, carregando peso e criando transtornos. Tem quem ache que essa lista é grande, com muitas roupas, mas o próprio hospital pede as roupinhas a mais para evitar imprevistos.

Agora vamos aos itens da mamãe para a mala de maternidade. São roupas e acessórios para a proteger de qualquer incidente ou constrangimento, afinal algumas coisas acontecem nesses primeiros dias do bebê, como o intenso sangramento.

Não esqueça dos itens para você, como pijamas e sutiã de amamentação. (Foto: Divulgação)

– Camisolas ou pijamas com abertura na frente para facilitar a amamentação. Leve pelos menos uns três, pois com o sangramento pode acabar sujando. Além do pijama, você pode levar roupas leves e confortáveis de ficar em casa;

Leia Também:  Receita de mousse de chia

– Calcinhas grandes e confortáveis, de preferência que você já tenha usado durante a gravidez. Elas precisam ser grandes, pois os absorventes para conter o sangramento são enormes, normalmente noturnos. Leve no mínimo cinco calcinhas dessas;

– Penhoar para andar pelos corredores do hospital depois do parto e para receber visitas;

– Chinelo ou sandália de dedo;

– Meias;

– Sutiã de amamentação;

– Conchas e absorventes para os seios;

– Produtos de higiene pessoal como escova, xampu, condicionador, sabonete, escova de dente e pasta;

– Absorventes, de preferência noturnos que são maiores e aguentam mais. É normal o sangramento pós-parto, tanto em parto normal quanto cesárea;

– Roupas para a saída do hospital. Elas devem ser mais largas e confortáveis, afinal a barriga de grávida não some tão rápido;

– Máquina fotográfica e pilhas extras;

– E por fim, números de telefones de quem você deseja avisar quando o bebê nascer.

Leia também:

Lembrancinhas de maternidade criativas

Dicas para montar um quarto de bebê

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Top