Lugares descolados para quem gosta de Rock and Roll

Quem ama o rock deve saber que existem lugares que são quase que obrigatórios de serem conhecidos. São casas, estúdios, locais onde ocorreram shows e até sepultura. […]

I wanna rock and roll all night and party everyday” é com esse trecho da música do Kiss que esta matéria é iniciada. Os fãs de rock têm muito o que conhecer no mundo; há lugares descolados que devem ser paradas obrigatórias para esse grande público tão apaixonado por esse ritmo musical. São residências de astros, locais de shows que marcaram geração, estúdios e até mesmo sepultura. Vale a pena conferir.

A começar por EUA, no interior do país, que em 1969 foi palco do maior evento de rock e hippie, o tão conhecido Woodstock, que contou com Jimi Hendrix, Janis Joplin e ainda um público de 500 mil pessoas carregando o lema paz e amor, tão em voga naqueles tempos. Ele ocorreu numa cidadezinha chamada Bethel, pois na época os moradores do local original, que seria em Woodstock, ficaram receosos da chegada daquela gente toda e o evento foi transferido para o município vizinho. Hoje, encontra-se uma placa no local informando que ali aconteceu um grande festival que mudou a história da música e marcou gerações.

Ainda nos EUA, em Memphis, no Tennessee, há um pequeno estúdio de gravação. Mas não é um qualquer, é um tipo de templo para os roqueiros, pois é visto por eles como uma das incubadoras do rock. Desde o ano da função,1952, a Sun Records recebeu artistas inesquecíveis e lendários, como Elvis Presley, Johnny Cash e Carl Perkins. O local é aberto à visitação e não pode deixar de ser visto.

O rei do rock, Elvis Presley, passou grande parte de sua vida em Graceland, sua residência, localizada no mesmo local acima. O casarão é um local de peregrinação e é o segundo lugar mais visitado dos EUA, perdendo somente para Casa Branca. Há de tudo um pouco no local que lembre o rei, perfeito para os fãs do rock. O quintal se chama “Jardim das Meditações”, onde estão os jazigos do cantor e de seus pais. É aí que gente do mundo todo faz uma verdadeira romaria no dia de aniversário da morte do rei, 16 de agosto.

Nesse clima de culto àqueles que já partiram, o túmulo de Jim Morrison, vocalista do The Doors, não podia escapar. Ele se encontra no cemitério Père-Lachaise, em Paris e ocorre o mesmo: muita agitação, muita visita e óbvio, fãs que não se cansam de homenageá-lo.

 

Top