Livros de Ray Bradbury

Ray Bradbury foi um dos fundadores da literatura fantástica moderna. Nascido em agosto de 1920 no estado do Illinois, Ray Douglas Bradbury fazia de…

Ray Bradbury foi um dos fundadores da literatura fantástica moderna. Nascido em agosto de 1920 no estado do Illinois, Ray Douglas Bradbury fazia de suas obras em mundos fantásticos, espaços de crítica aos excessos da sociedade contemporânea. Ao todo o autor escreveu mais de 30 livros, 600 contos e diversos poemas e ensaios.

Leia mais: Dicas de livro de ficção fantástica

Muitas de suas narrações e novelas foram adaptadas para o cinema, rádio, televisão e teatro. Seu reconhecimento veio pelas suas obras, “Crônicas Marcianas” de 1950 e “Fahrenheit 451” de 1953. Um dos autores mais lidos da sua geração, Ray Bradbury sustentou até ao fim o mesmo ânimo para a criação de suas obras. Confira a seguir os livros de Ray Bradbury:

Livros de Ray Bradbury

Escritor Ray Bradbury. (Foto Divulgação)

Bradbury o Papa defuntos

Fahrenheit 451

As crônicas marcianas

O Zen e a Arte da Escrita

A Bruxa de Abril e Outros Contos

Algo Sinistro Vem Por Aí

Os Frutos Dourados Do Sol

Uma Estranha Família

A Cidade Inteira Dorme

O Homem Ilustrado

O País de Outubro

E de Espaço

Uma sombra passou por aqui

F de Foguete

Contos de Dinossauros

Morte é uma transação solitária

O Viajante do Tempo

O Licor de Dente-de-Leão

Um Cemitério para Lunáticos

Arquitetos do futuro

A Cidade Perdida de Marte

As Máquinas do Prazer

As Portas da Fantasia

A Árvore Sagrada

Marte e a Mente do Homem

Remédio para a Melancolia

Ficção científica para quem não gosta de ficção científica

"Fahrenheit 451" por Ray Bradbury (Foto Divulgação)

Conduzindo às cegas

Muito depois da meia-noite

Muito depois da meia-noite / 2

Memórias do Crime

Antologia de ficção científica 2

Cripta do Terror

Cripta Do Terror Nº 2

Vamos todos matar Constance

Recordações do Futuro

As Maçãs Douradas do Sol

O Abismo de Chicago

O Mundo Marciano

Espaço 3

Amor dimensão 5

Cântico à Humanidade

Espaço: A Fronteira do Mundo

"As crônicas marcianas" de Ray Bradbury (Foto Divulgação)

Curiosidades

Uma de suas principais obras “Fahrenheit 451” foi elaborada numa máquina de escrever que necessitava de uma moeda para funcionar. O escritor sempre se recusou a publicar suas obras em formato eletrônico e vivia dizendo que as pessoas tinham gadgets a mais. Em abril de 2002 – ano de seu falecimento – o escritor teve uma estrela colocada em sua homenagem na célebre “Calçada da Fama” de Holywood por suas benfeitorias para ficção científica na literatura, no cinema e na televisão.

Veja também: Livros de ficção científica: dicas

Top