Livros de Jane Austen

A escritora inglesa Jane Austen viveu entre os anos de 1775 e 1817. Muitas vezes, ela utilizou de ironia para escrever seus romances e…

Por Editorial MDT em 09/12/2012

A escritora inglesa Jane Austen viveu entre os anos de 1775 e 1817. Muitas vezes, ela utilizou de ironia para escrever seus romances e personagens, fazendo críticas a posição de homens e mulheres da época e inclusive sobre a sociedade vigente. Austen possui diversos livros na lista dos maiores clássicos literários.

Orgulho e Preconceito (Foto: Divulgação)

☰ CONTEÚDO

Orgulho e Preconceito

Trama sobre uma mulher forte, que luta contra as imposições cruéis de sua época, além de fazer uma severa crítica à futilidade de muitas mulheres. O livro chegou as telas do cinema em 2005, como um filme homônimo protagonizado por Keira Knightley.

Sinopse oficial: “Orgulho e Preconceito’ é o mais popular dos romances de Jane Austen. A jovem Elizabeth Bennet, que se julga desprezada por Darcy, jovem rico e orgulhoso, começa a se interessar pelo belo militar Wickham. Em lugar do simples enredo sentimental, o texto de Austen focaliza uma questão mais complexa em que se misturam a razão, o sentimento de gratidão e suas implicações e, especialmente, a desconfiança com relação às primeiras impressões.”

Abadia de Northanger (Foto: Divulgação)

Abadia de Northanger

A trama se passa no balneário de Bath, na Inglaterra, onde Jane Austen costumava passear com sua família. O livro trata sobre Catherine, uma jovem que conhece os encantos de um bom romance.

Sinopse oficial: “Em meio aos passeios e bailes, a jovem conhece outros jovens da cidade, entre eles John Thorpe e Henry Tillney, inseridos no mundo da literatura e da história, revelando assim à ingênua Morland os deleites de grandes romances. General Tillney, pai de Henry, convida os jovens para uma visita em uma de suas propriedades, a Abadia de Northanger, estadia aceita prontamente pela moça animada com o clima de mistério e conhecimento. Com os delírios da produção gótica, Catherine entra num conflito entre ficção e realidade durante suas experiências literárias e sua estadia na casa, cujo ambiente remete ao antigo, ao sombrio e ao fantástico.”

Jane Austen (Foto: Divulgação)

 Espiritismo: Conheça os 10 Melhores Livros Espíritas

Razão e Sensibilidade

O livro, lançado em 1811, foi a primeira publicação de Jane Austen e trata sobre a história de duas irmãs que ficam desamparadas após a morte do pai. A obra faz uma crítica a sociedade de antigamente, na qual os indivíduos visavam apenas o status social e a riqueza, fosse através de  heranças ou casamentos de conveniência.

Sinopse oficial: “‘Razão e Sensibilidade’ é um livro onde as irmãs Elinor e Marianne representam essa dualidade, de maneira alternada, ao longo do livro. Por meio das experiências vividas pelas duas irmãs como: perda, amor e esperança. Austen nos oferece um excelente panorama da vida das mulheres de sua época. As irmãs vivem em uma sociedade completamente rígida e ambas tentam sobreviver a este mundo cheio de regras e injustiças. Tanto a sensível e sensata Elinor, quanto a romântica e impetuosa Marianne se veem fadadas a aceitar um destino infeliz por não possuírem fortuna e conexões, obrigadas a viverem em um mundo dominado pelo dinheiro e pelo interesse.”

Veja 10 dicas de livros para jovens

 

Top