Lipo laser: vantagens, riscos

A lipo a laser tem feito sucesso entre as mulheres que desejam eliminar as gordurinhas indesejadas e conquistar a boa forma. O procedimento é…

A lipo a laser tem feito sucesso entre as mulheres que desejam eliminar as gordurinhas indesejadas e conquistar a boa forma. O procedimento é menos invasivo do que a lipoaspiração convencional, mas ainda é uma novidade no universo da cirurgia plástica.

O laser derrete as células de gordura. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Lipoaspiração a Laser – Preços, Clinicas

O equipamento responsável pela lipo a laser queima o excesso de gordura de forma segura e eficaz. Contudo, devido ao preço elevado e a falta de benefícios contundentes, as brasileiras ainda não se apaixonaram perdidamente pelo procedimento e ainda preferem o método tradicional da cirurgia.

O laser, quando atinge um determinado comprimento de onda, explode as células de gordura. O líquido é, então, aspirado por um equipamento de sucção. Depois de realizar o procedimento, o cirurgião coloca micropore nos pequenos cortes e o paciente fica internado cerca de dois dias em observação.

Não é a primeira vez que os raios do laser são usados em prol de uma cirurgia. Antes de ganhar espaço na área de plástica, a técnica já contribuía com operações oculares e tratamentos de varizes.

Vantagens da lipo a laser

O lugar da incisão não fica com a pele tão irregular ou flácida. (Foto:Divulgação)

A lipo a laser tem a vantagem de ser menos agressiva. Enquanto a lipoaspiração tradicional envolve cortes maiores, o procedimento feito com laser se baseia na utilização de uma cânula (uma agulha grossa que é introduzida sob a pele). O raio laser aplicado é regulado apenas para destruir a gordura e não oferece riscos a outras estruturas, como os vasos sanguíneos.

Após a lipo a laser, o lugar da incisão não fica com a pele tão irregular ou flácida. O inchaço e os hematomas do pós-operatório também costumam ser menores do que a lipoaspiração convencional. Em sua rápida recuperação, o paciente também não sente tanta dor e nem corre tanto risco de inflamações.

Leia Também:  Lipoaspiração a laser para eliminar gordura localizada

Como o laser lesa muito pouco os vasos, o paciente não perde tanto sangue e outros fluídos orgânicos. Assim, o procedimento se torna menos suscetível a complicações.

Riscos da lipo a laser

Apesar de oferecer uma série de benefícios, a lipo a laser também possui desvantagens, como o fato de ser mais cara do que a lipoaspiração tradicional e a cirurgia mais demorada. Como a gordura é derretida, ela também não pode ser reaproveitada para aumentar glúteos ou lábios.

O cirurgião plástico deve saber como usar o equipamento. (Foto:Divulgação)

Antes de se submeter ao procedimento, o paciente deve verificar também se o cirurgião está preparado para trabalhar com a técnica, pois muitos ainda não dominam o equipamento a laser.

A lipo a laser possui os mesmos riscos de qualquer outra cirurgia, por isso o médico precisa ser capacitado e monitorar o paciente durante todo o procedimento. Para não correr perigo, o indivíduo deve certificar-se de que está bem de saúde antes de se submeter à lipoaspiração.

O pós-operatório requer alguns cuidados, como evitar esforço físico e contar com o trabalho do médico para fazer a troca de curativos. Após a lipoaspiração a laser, o paciente terá que se submeter a sessões de drenagem linfática para eliminar o líquido acumulado.

Veja também: Lipo a Laser: procedimento mais moderno

Top