Lentes de contato: como higienizar corretamente

As lentes de contato são ótimas opções para quem tem problemas na visão, como miopia, astigmatismo e hipermetropia, e se sente incomodado ou não…

A limpeza das lentes de contato deve ser feita diariamente

As lentes de contato são ótimas opções para quem tem problemas na visão, como miopia, astigmatismo e hipermetropia, e se sente incomodado ou não gosta de usar óculos para a correção de tais patologias. Se você pretende usá-las, é importantíssimo se consultar antes com um oftalmologista, que fará testes para saber se as lentes podem ser usadas e vai lhe indicar o tipo de lente mais adequado.

Passando a usar as lentes, é preciso ter muito cuidado com elas, principalmente com a limpeza, que serve para prolongar o uso do produto e manter a sua visão em ótimas condições. Higienizando corretamente as lentes, elas ficam livres de bactérias e microorganismos, entre outras impurezas, que podem causar sérios problemas aos olhos.

Por isso é importante fazer uma limpeza adequada todos os dias.

Lentes gelatinosas e tóricas

Use os produtos indicados pelo oftalmologista

As lentes gelatinosas são as mais usadas, de mais fácil adaptação e também as mais suscetíveis à ação de microorganismos. Elas servem para corrigir a miopia. Já as lentes tóricas, também conhecidas como lentes de silicone-hidrogel, corrigem a visão de quem tem miopia e astigmatismo ao mesmo tempo, e são muito parecidas às gelatinosas.

A higienização destas lentes deve ser feita da seguinte forma, lembrando que o mais recomendado é efetuar os procedimentos na pia do banheiro, que deve estar com o ralo tampado:

– Lave bem as mãos com sabonete antes de manusear as lentes (evite sabonetes com hidratantes) e seque-as com toalha.

– Preencha os dois compartimentos do estojo da lente com a solução multiuso de sua preferência, com a quantidade suficiente para cobrir a lente, sem transbordar.

Leia Também:  Erros ao se depilar com lâmina

– Retire a lente do olho direito em primeiro lugar, coloque-a sobre a palma da mão, que deve estar seca.

Friccione com cuidado, para não estragar a lente

– Aplique nela algumas gotas da solução multiuso e use o dedo indicador para friccionar suavemente de um lado e de outro da lente. Em seguida, enxague-a com a solução e guarde a lente no estojo, fechando com a tampa.

– Repita os mesmos procedimentos com a lente usada no olho esquerdo.

– Feche o estojo e guarde-o em local seco e fresco, longe do sol e da poeira.

Importante:

– Não use água corrente nem saliva para limpar as lentes gelatinosas e tóricas. O soro pode ser usado apenas no enxague da lente, após a limpeza com a solução multiuso. Nada de guardá-las no soro.

– Algumas das soluções mais indicadas para estes tipos de lentes são Renu e Opti Free, entre outras, encontradas em qualquer farmácia.

– O estojo deve ser limpo uma vez por semana, utilizando água quente, e trocado a cada 3 meses.

Depois de limpas, elas devem ser guardadas no estojo

Lentes rígidas

As lentes rígidas gás-permeáveis (RGP) são indicadas para corrigir o astigmatismo e o ceratocone. A adaptação para elas é um pouco mais complicada, mas por outro lado, ela é mais fácil de limpar.

Os procedimentos são basicamente os mesmos citados acima, com a diferença de que as soluções multiuso para as lentes RGP são diferentes. Neste caso, alguns dos indicados são LimpiSol, Boston Simplus e Unique PH.

Top