Julgamento que trata da morte de Michael Jackson acontece hoje

Começa hoje (27) em Los Angeles às 8h45 (12h45 de Brasília) o julgamento pela morte do astro pop Michael Jackson. A primeira sessão que…

Por Redacao em 27/09/2011

Começa hoje (27) em Los Angeles às 8h45 (12h45 de Brasília) o julgamento pela morte do astro pop Michael Jackson. A primeira sessão que decide julgar culpado ou não o médico Conrad Murray acontece na Corte Superior do Condado da cidade.

O médico de 58 anos é acusado de homicídio culposo, ou seja, sem intenção de matar, e pode pegar uma pena de até 4 anos de prisão se receber um veredicto desfavorável. De acordo com a Promotoria, foram encontradas inúmeras provas suficientes que comprovam a má conduta de Murray ao administrar os remédios ao artista.

O Rei do Pop foi encontrado morto no dia 25 de junho de 2009 em decorrência de uma intoxicação de remédios, que em destaque encontra-se o analgésico de uso hospitalar Propofol. Segundo o médico, ele realmente administrou naquele dia sedativos em Michael, que sofria frequentemente de insônia. No entanto, disse que depois de ter concedido a medicação, se retirou do quarto para atender uma ligação telefônica e quando voltou, já teria encontrado-o desmaiado e sem pulso.

Em janeiro deste ano houve uma audiência preliminar na qual o médico disse ser inocente de ter agido erroneamente e consequentemente causado a morte de Michael Jackson. Na primeira sessão de hoje, que deve durar em torno de 5 horas, a defesa de Conrad Murray buscará plantar uma semente de dúvida a respeito da verdadeira participação do médico no ocorrido e tentará passar que Michael já estava com a saúde debilitada e sofria de um vício de medicações.

O primeiro a dar seu depoimento deve ser o coreógrafo Kenny Ortega, responsável pelos concertos “This Is It”, que o astro apresentaria por diversas cidades do mundo em 2009. O site “Radar Online” informou que os dois filhos mais velhos de Jackson, Prinche Michael e Paris, de 14 e 13 anos, respectivamente, desejam depor no julgamento e fizeram este pedido a avó, Katherine Jackson, que possui a guarda das crianças. Katherine, porém, ainda não mostrou estar certa em permitir que seus netos deponham, embora ambos insistam em dizer o que viram naquele dia.

O júri do julgamento estará constituído de 12 pessoas e será transmitido pelo programa especializado “In Session” pela emissora “TruTV”.

Top