Jejum prolongado: o que pode causar

Uma boa refeição é importantíssima, pois além de ser deliciosa, oferece ao organismo todos os nutrientes necessários para o funcionamento adequado das funções vitais.…

Uma boa refeição é importantíssima, pois além de ser deliciosa, oferece ao organismo todos os nutrientes necessários para o funcionamento adequado das funções vitais. Infelizmente, algumas pessoas podem enfrentar problemas, como ansiedade e tristeza, que afetam diretamente os hábitos alimentares.

O jejum prolongado é um hábito perigoso que pode causar vários problemas de saúde. (Foto: divulgação)

Ficar em jejum durante muito tempo é um ato perigoso, capaz de afetar as habilidades cognitivas e motoras e não levar a um emagrecimento saudável, que muitas vezes pode ser mais perigoso do que ingerir grandes quantidades calóricas. Fique por dentro do assunto e saiba o que o jejum prolongado pode causar.

Veja dicas de como combater a hipoglicemia.

Malefícios do jejum prolongado

Ficar muito tempo sem ingerir nenhum tipo de alimento pode provocar profundas alterações no corpo. Confira as principais mudanças que ocorrem quando falta a energia necessária para o organismo funcionar adequadamente.

  • Metabolismo

A falta de energia decorrente do jejum prolongado obriga o organismo a diminuir a velocidade dos processos metabólicos, a fim de poupar energia para manter as funções mais importantes. Essa queda do metabolismo é tão importante que é capaz de fazer com que as pessoas engordem, apesar de comer menos;

A hipoglicemia pode afetar o sistema nervoso central. (Foto: divulgação)

  • Sistema nervoso central

O sistema nervoso central precisa de glicose para produzir toda a energia que necessita. Portanto, a hipoglicemia é capaz de comprometer consideravelmente suas funções, prejudicando o raciocínio, a concentração e o rendimento nos estudos. O sono é o único momento em que o sistema nervoso central é capaz de tolerar o jejum sem que haja qualquer prejuízo metabólico;

  • Funcionamento celular

A glicose é a principal fonte de energia celular, e na ausência desse elemento as células passam a buscar outras fontes energéticas, como os corpos cetônicos. O problema é que esse combustível alternativo é responsável por causar dores musculares, menor capacidade de concentração e hálito característico;

  • Distúrbios hormonais
Leia Também:  Causas e tratamentos para peles manchadas

A produção de hormônios requer intensos processos metabólicos, que necessitam de energia e, consequentemente, são afetados em indivíduos que passam muito tempo de jejum. Quando a pessoa fica muito tempo sem comer, o organismo faz uso dos hormônios já produzidos e que estão armazenados, mas logo fica carente dessas substâncias.

Entenda o que é e saiba como tratar o diabetes.

Diferente do que algumas pessoas pensam, ficar sem comer resultar em ganho de peso. (Foto: divulgação)

Manter jejum prolongado é uma medida extremamente prejudicial à saúde, que além de não contribuir para a perda de peso saudável, pode até mesmo resultar em ganho de peso e diversos outros distúrbios ao organismo.

Top