Internet é o maior canal de transações bancárias, diz Febraban

Segundo levantamento divulgado nesta quarta-feira (25), pela Febraban (Federação Brasileira dos Bancos), preferência em quase 25% das transações bancárias, o internet banking, atualmente, é…

O internet banking, atualmente, é o principal canal para os bancos.

Segundo levantamento divulgado nesta quarta-feira (25), pela Febraban (Federação Brasileira dos Bancos), preferência em quase 25% das transações bancárias, o internet banking, atualmente, é o principal canal para os bancos.

“Hoje, o cliente utiliza o canal que ele quiser, quando quiser”, afirmou Gustavo Roxo, vice-presidente da consultoria Booz & Company. A oportunidade e o aumento do uso da internet incentivaram a mudança.

Como decorrência pela modificação na preferência do consumidor, reduziu a busca de alguns serviços realizados exclusivamente em agências, como a compensação de cheques, a qual teve uma queda de 10% no ano passado.

A preferência pela internet não ocorreu pela ausência de investimento na abertura de novas unidades. No ano passado, o número de agências cresceu 7,5%, somando 21,3 mil unidades no País. Isso levou a densidade de agências para níveis de nações desenvolvidas, já que, são 9 a cada 10 mil habitantes.

“As agências focarão no relacionamento com os clientes e atuarão como consultoria para produtos mais complexos como crédito imobiliário, previdência e fundos de investimento”, afirma Luís Antônio Rodrigues, diretor de tecnologia e automação bancária da Febraban.

 A internet tornou-se o principal canal e a Febraban já espera fazer uma nova modificação. O mobile banking deve se alastrar conforme a comercialização de smathphones, a qual, segundo cálculos da consultoria em tecnologia IDC, deve crescer 73%.

Atualmente, somente 3% das contas-correntes acessam operações bancárias por tablets e smartphones. No entanto, a expectativa é que nos próximos cinco anos, o número alcance a do internet banking. “Usado para pagamentos e consultas a saldo, o mobile não intensifica a bancarização, (entrada de clientes no sistema bancário)”, diz Roxo.

Top