Inflação dos Alimentos 2011

Estamos acompanhando no dia-a-dia da nossa casa o aumento dos preços dos alimentos neste ano. Pois é, a inflação dos alimentos em 2011 está…

Por Redacao em 07/03/2011

Estamos acompanhando no dia-a-dia da nossa casa o aumento dos preços dos alimentos neste ano. Pois é, a inflação dos alimentos em 2011 está preocupando economistas, e principalmente a população brasileira. O pão de cada dia está ficando mais caro, o arroz e o feijão também, e devido a vários fatores. Somente os cereais tiveram um aumento de 3,7 % no preço. Vejamos alguns dos principais motivos que levaram a inflação dos alimentos em 2011 segundo a visão de economistas.

Segundo o economista Paul Krugmam, no Blog do Estadão, a inflação dos alimentos nesse ano se deve a queda da quantidade de alimentos produzidos, a quebra da safra brasileira, especialmente a de grãos. A produção dos alimentos não tem crescido proporcionalmente ao número de habitantes no mundo todo. O consumo cresce e os produtores se vêem obrigados a aumentar os preços, freando o consumo. Além disso, segundo o economista, as mudanças climáticas têm sido altamente prejudiciais as produções, trazendo prejuízo aos produtores, e indiretamente ao bolso dos consumidores, refletindo no aumento do preço principalmente nos legumes, frutas e verduras, que são diretamente afetados com as mudanças no clima.

Segundo outros economistas, a inflação dos alimentos em 2011 se deve também ao aumento no preço dos barris de petróleo. Aumentando o preço dos combustíveis derivados do petróleo aumentam também os custos sobre o preço final do produto, pois todo o gasto com o transporte dos alimentos reflete no preço que o brasileiro se vê obrigado a pagar na hora de comprar os alimentos. Nesse momento o brasileiro sente que precisa mudar alguns hábitos alimentares para sustentar a situação e não aumentar muito as despesas da casa.

Outros economistas adicionam mais um agravante a essa lista tentando justificar a inflação dos alimentos em 2011, que é o aumento do salário mínimo no Brasil. Alguns especialistas pensam que o preço dos alimentos já está sendo reajustado, a fim de compensar o brasileiro após o aumento do salário. Porém, por enquanto nos vemos temerosos quanto a esses aumentos, afinal, estamos sentindo o aumento evidente em nossos bolsos. Alguns analistas ainda julgam que o aumento dos preços dos alimentos em 2011 tem sido menor que a de 2010, mesmo assim ainda é grande. O governo justifica esse aumento dos preços dos alimentos com o aumento das chuvas, que prejudica as lavouras, a nossa mesa e o nosso bolso.  Leia mais no G1 mais um artigo sobre a inflação dos alimentos clicando aqui.

 

Top