Graduação Em Economia, Faculdades, Preços

Graduação Em Economia, Faculdades, Preços – O economista é um profissional que lida com finanças, sendo seu trabalho muito útil dentro de grandes empresas. Através…

Por Isabella Moretti em 23/06/2015

Graduação Em Economia, Faculdades, Preços – O economista é um profissional que lida com finanças, sendo seu trabalho muito útil dentro de grandes empresas. Através dos conhecimentos econômicos, ele consegue orientar os empresários sobre investimentos, possíveis lucros ou despesas desnecessárias. Para se tornar um economista preparado para atuar no mercado, é necessário passar por um bom curso de Ciências Econômicas.

Graduação Em Economia, Faculdades, Preços

O curso de graduação em economia valoriza uma formação abrangente, sólida e reconhecida no âmbito econômico. O bacharel estuda os fenômenos relacionados à sua área e propõem as melhores soluções financeiras para as empresa de diferentes seguimentos. O economista calcula, avalia e ajuda a resolver qualquer problema relacionado às finanças.

Normalmente as empresas que estão à beira da falência procuram um economista para buscar uma recuperação no mercado. Para desenvolver esse trabalho, o profissional precisa ter acesso aos relatórios de gastos, conhecer as dívidas e traçar estratégias que possam acabar com o déficit. O economista se destaca ainda como um profissional versátil, ou seja, pode atuar em pequenas questões ou até grandes problemas financeiros.

Com duração média de quatro anos, o curso superior de economia oferece uma formação consistente aos alunos. Entre as disciplinas que estão inclusas no currículo, aparecem: matemática financeira, estatística e econometria. Além de possuir facilidade para analisar e calcular, o bacharel em Ciências Econômicas também precisa adquirir conhecimentos teóricos da sua área, que muitas vezes envolve questões históricas.

Quanto aos preços de graduação em economia, eles variam de acordo com a instituição. Na Universidade Metodista de São Paulo o valor da mensalidade é de R$ 688,89, estando sujeita a reajuste ao longo do curso. Confira abaixo a lista das 20 melhores faculdades do Brasil avaliadas pelo Enade e do MEC de acordo com pesquisa da Folha de São Paulo:

  1. Universidade de São Paulo (USP)
  2. Escola de Economia de São Paulo (EESP)
  3. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  4. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  5. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
  6. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  7. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP)
  8. Universidade de Brasília (UNB)
  9. Universidade Presbiteriana Mackenzie (MACKENZIE)
  10. Escola Brasileira de Economia e Finanças (EBEF)
  11. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO)
  12. Faculdade de Economia e Finanças Ibmec (FACULDADES IBMEC)
  13. Universidade Federal do Paraná (UFPR)
  14. Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  15. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  16. Universidade Federal da Bahia (UFBA)
  17. Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
  18. Faculdade Ibmec (IBMEC)
  19. Faculdade de Economia da Fundação Armando Alvares Penteado (FEC-FAAP)
  20. Universidade Federal do Ceará (UFC)

Melhores Faculdades de Ecônomia do Brasil

As faculdades de economia dispõem de moderna infraestrutura para garantir a aprendizagem dos alunos. Eles entram em contato tanto com a teoria como com a prática, desenvolvendo o potencial exigido pelo mercado de trabalho. Quem passa pela graduação desenvolve um senso crítico forte e provavelmente precisa aprender inglês para lidar com situações financeiras do mercado externo.

Depois de formado, o economista encontra boas chances de emprego e recebe um salário inicial de aproximadamente R$ 1.500,00. As melhores oportunidades de trabalho estão disponíveis nas capitais brasileiras, em especial São Paulo e Rio de Janeiro.

Top