Furunculo: é contagioso, sintomas, tratamento

Furúnculo é uma doença de pele causada por uma bactéria denominada Estafilococos. Como sinais e sintomas, o furúnculo apresenta uma inflamação dos folículos pilosos…

Por Editorial MDT em 25/01/2012

O furúnculo é contagioso. Saiba como se prevenir.

Furúnculo é uma doença de pele causada por uma bactéria denominada Estafilococos. Como sinais e sintomas, o furúnculo apresenta uma inflamação dos folículos pilosos (pêlos), podendo resultar em uma formação localizada de tecido morto e secreção de pus.

Como ocorre a evolução do furúnculo?

A primeira manifestação do furúnculo inicia-se com o aparecimento de um nódulo muito doloroso, avermelhado, de aspecto endurecido e quente. Esses sinais ocorrem em volta do pelo acometido, podendo já ser visível um pequeno ‘ponto de pus’.

Com o progresso da doença, pode ocorrer o rompimento do nódulo, com posterior extravasamento de uma secreção amarelada ou esverdeada (pus). Após esse momento, ocorrerá ou não a formação de uma ferida ulcerada.

Quais as causas de furúnculo?

O furúnculo pode acometer qualquer parte de nosso corpo. Porém, seu aparecimento é mais frequente nas áreas de dobras, que são submetidas à fricção e a alta transpiração, como virilha e nádegas.  Outro fator que pode estar relacionado ao início do quadro é o uso de substâncias gordurosas na pele, o tabagismo ou vestimentas muito justas.

Os indivíduos do sexo masculino são mais acometidos quando comparados as mulheres, principalmente durante a puberdade.

Existe algum risco?

Na maioria dos casos, a evolução da doença é favorável. As complicações ocorrem quando há uma ruptura na barreira de proteção, o que afeta o combate à bactéria.

É importante não espremer o furúnculo. Essa atitude pode resultar na disseminação da infecção através da corrente sanguínea, colaborando na contaminação de outros locais do organismo.

Outra complicação também conhecida é a furunculose. Este é o nome dado a ocorrência de vários furúnculos em uma mesma região. A mania de coçar a lesão acaba por ferir o furúnculo, que ao eliminar o pus contamina outros folículos próximos a região. Dessa mesma forma (contato com o pus) pode infectar outro indivíduo. Portanto, é possível dizer que o furúnculo é uma doença contagiosa!

Como é feito o tratamento?

Ao deparar com uma lesão que tenha as características de um furúnculo, é importante procurar um atendimento médico para trata-la adequadamente.

Veja algumas dicas que podem ajudar na atenuação do quadro.

  • Limpe o local com solução desinfetante duas a três vezes ao dia;
  • Aplique compressas quentes e úmidas com sal;
  • Nunca esprema ou fure o furúnculo, principalmente quando estiver no rosto, próximo a ouvidos;
  • Evite que outras pessoas entrem em contato com a lesão, para evitar espalhar a infecção.

Lembre-se, o uso de medicamentos sem orientação médica pode fazer muito mal a saúde.

Como prevenir?

Citaremos algumas maneiras de evitar que ocorra o aparecimento de novos furúnculos.

  • Realize limpeza de pele com soluções anti-sépticas;
  • Obtenha o hábito da lavar frequentemente as mãos;
  • Use sempre toalha limpa, evitando que outras pessoas a utilizem;
  • Realize trocas frequentes de roupas íntimas e fronhas.

Lavar as mãos pode prevenir o problema.

O furúnculo é contagioso e quando não tratado corretamente pode trazer graves consequências a saúde. Por isso, toda vez que deparar com uma lesão com as mesmas características descritas, procure um atendimento médico especializado.

Top