Flamengo ignora estreia de Luis Fabiano e vence o São Paulo no Morumbi

Rubro-negro foi melhor em boa parte do jogo e derrotou o Tricolor por 2 a 1. Vitória deixa o time carioca mais perto dos líderes

Thiago Neves marcou o primeiro gol do Flamengo na vitória sobre o São Paulo

Nem mesmo a reestreia de Luis Fabiano com a camisa do São Paulo foi suficiente para evitar a vitória do Flamengo sobre o São Paulo por 2 a 1. Em um jogo emocionante, bastante disputado e com duas expulsões na etapa complementar, o Mengão venceu e se aproximou dos líderes do Brasileirão. Thiago Neves e Renato Abreu marcaram os gols da vitória flamenguista. Dagoberto descontou para o São Paulo. Agora, o rubro-negro soma 44 pontos, enquanto os tricolores permanecem com 46.

Etapa inicial truncada

O duelo no Morumbi começou bastante equilibrado. O Flamengo trocava passes com calma, mas tinha problemas na hora de reverter a posse de bola em oportunidade de gol. Por sua vez, o São Paulo apostava na velocidade de seus atacantes, principalmente do jovem Lucas, que atormentava a zaga rubro-negra.

A partida seguia mais concentrada no meio de campo, com os times preocupados em não dar espaços ao adversário. Somente aos 22 minutos, o São Paulo assustou. Dagoberto lançou para Luis Fabiano, o atacante dominou, perdeu o controle da bola e na hora da finalização foi travado pelo zagueiro Wellinton.

O jogo se apresentava mais favorável aos são-paulinos. Enquanto os jogadores rubro-negros erravam seguidos passes no meio de campo, o Tricolor se aproveitava das falhas dos cariocas e iniciava uma pressão. Aos 25, Casemiro achou Luis Fabiano dentro da área, o atacante bateu de primeira, mas Alex Silva salvou em cima da linha.

Aos 30, Ronaldinho Gaúcho apareceu no jogo e o Mengão quase inaugurou o marcador. R10 deu um passe açucarado para Deivid desviar de primeira e mandar a bola para fora.

Cinco minutos depois foi a vez de o São Paulo ameaçar. Em cobrança de falta na entrada da área, Rogério Ceni bateu com perfeição, mas Felipe espalmou para escanteio. Aos 45, Ronaldinho levantou na área para Thiago Neves cabecear e obrigar Rogério Ceni a fazer ótima defesa.

Leia Também:  Volante Willians é afastado do elenco do Flamengo

Expulsões, gols e vitória do Flamengo

A etapa complementar começou em ritmo alucinante. Logo aos quatro minutos, Luis Fabiano teve boa chance para marcar. Os defensores flamenguistas vacilaram e a bola ficou com Casemiro. O volante rolou para Luis Fabiano se livrar de Wellinton e finalizar com força para defesa de Felipe.

Aos seis, o Flamengo respondeu e Rogério salvou o São Paulo. Junior César foi na linha de fundo e cruzou para Deivid cabecear e parar no goleirão tricolor.

O lance acordou o São Paulo. Depois de uma sequencia de bolas levantadas na área, o goleiro Felipe espalmou, na sobra Lucas finalizou fraco e Alex Silva colocou para escanteio.

Aos 9, o meia Lucas fez falta violenta, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

Com um homem a mais em campo, a equipe rubro-negra teve boa oportunidade aos 16. Ronaldinho lançou, Diego Mauricio ajeitou e Thiago Neves bateu para mais uma defesa de Rogério.

A pressão flamenguista prosseguia e Rogério fazia milagres no Morumbi. Júnior César cruzou, Deivid cabeceou no chão e Rogério Ceni evitou o gol rubro-negro. Porém, aos 18, Rogério nada pôde fazer. Mais uma vez, Júnior César levantou a bola na área e Thiago Neves subiu cheio de estilo para marcar um belo gol.

Aos 24, quando o Flamengo era melhor em campo, Williams cometeu falta em Dagoberto e também foi expulso. Com o mesmo número de jogadores em campo, o Tricolor equilibrou a partida novamente e chegou ao empate aos 33. Dagoberto, até então apagado no jogo, arriscou de longe e anotou um golaço para o São Paulo.

O gol não abateu os flamenguistas, que passaram à frente no placar aos 38. Renato Abreu chutou de longe, a bola desviou em Carlinhos Paraíba e enganou Rogério Ceni: 2 a 1 Mengo.

Leia Também:  Na caça de um meia, São Paulo trabalha com três opções para a camisa 10

Nos minutos finais, o São Paulo insinuou uma pressão, mas os flamenguistas se defenderam bem e garantiram os três pontos.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 1X2 FLAMENGO

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Wellington, João Filipe, Rhodolfo e Juan; Casemiro (Henrique), Denilson, Cícero (Rivaldo) e Lucas; Dagoberto e Luis Fabiano (Carlinhos). Técnico: Adilson Batista

FLAMENGO: Felipe, Rafael Galhardo, Alex Silva, Welinton, e Junior Cesar (Maldonado); Aírton (Diego Maurício), Willians, Renato e Thiago Neves (Fierro); Ronaldinho Gaúcho e Deivid. Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Público total e renda: 63.871 pessoas/ R$2.647.330,00

Cartões amarelos: Lucas, Wellington, Dagoberto (SPO); Aírton, Willians (FLA)

Cartões vermelhos: Lucas, 9’/1ºT (SPO); Willians, 24’/2ºT (FLA)

GOLS: Thiago Neves, 18’/2ºT (0-1); Dagoberto, 33’/2ºT (1-1); Renato Abreu 39’/2ºT (1-2)

Top