Filho de dois anos de Adrian Peterson morre após agressão

Um dos grande nomes do NFL, Adrian Peterson, acaba de perder o seu filho de dois anos de idade. O filho pequeno do running…

Um dos grande nomes do NFL, Adrian Peterson, acaba de perder o seu filho de dois anos de idade. O filho pequeno do running back do Minnesota Vikings, foi internado no último dia 9, depois de ter sido brutalmente espancado pelo namorado da mãe do garoto. A criança estava na UTI de um hospital em Dakota do Sul, nos Estados Unidos, mas segundo o site TMZ não resistiu aos ferimentos e morreu.

Adrian Peterson perde filho (Foto: Divulgação)

Filho de Adrian Peterson estava em estado grave

De acordo com informações da imprensa norte-americana, somente um milagre salvaria a vida da criança. O menino sofreu uma série de lesões na cabeça ao ser espancado pelo namorado da mãe. Joseph Patterson, ligou para a polícia dizendo que o menino havia sofrido um acidente, mas na verdade ele bateu na criança brutalmente. A polícia não demorou muito para descobrir a mentira e prendeu o homem. O crime foi enquadrado como agressão infantil.

Filho de dois anos do atleta foi espancado (Foto: Divulgação)

Adrian Peterson deixa treino para ver filho

Adrian Peterson abandonou o treino dos Vikings na última quinta-feira (10 de outubro) assim que soube da agressão e foi para o hospital conferir a situação ode saúde da criança. Porém, o atleta voltou para o treino dizendo que iria jogar contra o Carolina Panthers no próximo domingo (13 de outubro).

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, 11 de outubro, o jogador agradeceu o apoio dos fãs e pediu que todos respeitem a privacidade da família. “O futebol americano me deixa forte em momentos complicados”, disse. A declaração foi dada antes da notícia da morte da criança.

Peterson publicou um comunicado em sua conta no Twitter após a notícia da morte da criança.

Leia Também:  Rafinha Bastos faz ironia com a possibilidade de ser preso

” Obrigado a minha família, meus fãs e os fãs de outras equipes por seu apoio. A NFL é uma fraternidade de irmãos e eu sou grato por os tweets , telefonemas e mensagens de texto dos meus colegas jogadores. Deus abençoe a todos e muito obrigado “, escreveu Peterson.

Top