Filho de dois anos de Adrian Peterson morre após agressão

Filho de dois anos de Adrian Peterson morre após agressão

Um dos grande nomes do NFL, Adrian Peterson, acaba de perder o seu filho de dois anos de idade. O filho pequeno do running…

Por Élida Santos em 11/10/2013

Um dos grande nomes do NFL, Adrian Peterson, acaba de perder o seu filho de dois anos de idade. O filho pequeno do running back do Minnesota Vikings, foi internado no último dia 9, depois de ter sido brutalmente espancado pelo namorado da mãe do garoto. A criança estava na UTI de um hospital em Dakota do Sul, nos Estados Unidos, mas segundo o site TMZ não resistiu aos ferimentos e morreu.

Adrian Peterson perde filho (Foto: Divulgação)

Filho de Adrian Peterson estava em estado grave

De acordo com informações da imprensa norte-americana, somente um milagre salvaria a vida da criança. O menino sofreu uma série de lesões na cabeça ao ser espancado pelo namorado da mãe. Joseph Patterson, ligou para a polícia dizendo que o menino havia sofrido um acidente, mas na verdade ele bateu na criança brutalmente. A polícia não demorou muito para descobrir a mentira e prendeu o homem. O crime foi enquadrado como agressão infantil.

Filho de dois anos do atleta foi espancado (Foto: Divulgação)

Adrian Peterson deixa treino para ver filho

Adrian Peterson abandonou o treino dos Vikings na última quinta-feira (10 de outubro) assim que soube da agressão e foi para o hospital conferir a situação ode saúde da criança. Porém, o atleta voltou para o treino dizendo que iria jogar contra o Carolina Panthers no próximo domingo (13 de outubro).

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, 11 de outubro, o jogador agradeceu o apoio dos fãs e pediu que todos respeitem a privacidade da família. “O futebol americano me deixa forte em momentos complicados”, disse. A declaração foi dada antes da notícia da morte da criança.

Peterson publicou um comunicado em sua conta no Twitter após a notícia da morte da criança.

” Obrigado a minha família, meus fãs e os fãs de outras equipes por seu apoio. A NFL é uma fraternidade de irmãos e eu sou grato por os tweets , telefonemas e mensagens de texto dos meus colegas jogadores. Deus abençoe a todos e muito obrigado “, escreveu Peterson.

Top