Farinhas funcionais: o que são, benefícios

Estudos recentes com vários tipos de alimentos encontraram algumas substâncias que contêm vitaminas e nutrientes benéficos à saúde. Por se tratarem de produtos com…

As farinhas funcionais regulam o organismo trazendo mais saúde.

Estudos recentes com vários tipos de alimentos encontraram algumas substâncias que contêm vitaminas e nutrientes benéficos à saúde. Por se tratarem de produtos com funções positivas, essa classe recebeu o nome de funcionais.

Um exemplo desse tipo de alimento são as farinhas funcionais. Elas são feitas a partir de frutas, grãos ou cereais. São ricas em fibras que ajudam no bom funcionamento do organismo. Outro fator importante é que podem ser adicionadas as refeições diárias, tornando os pratos mais saudáveis.

Funções das farinhas

A principal função das farinhas funcionais é o regulamento do intestino. Quando esse órgão trabalha normalmente, ajuda a diminuir o colesterol e os níveis de glicose. Porém, só as farinhas não são suficientes para trazer todos os benefícios. O ideal é consumi-las junto as refeições.

As farinhas funcionais não mudam o sabor dos alimentos, dessa forma podem ser adicionados a sopas, caldos, frutas, vitaminas, iogurte ou outro alimento de sua preferência. Além dessas sugestões, uma ótima opção é utilizá-las no lugar da farinha de trigo em pães, massas e bolos.

Farinhas funcionais encontradas no mercado

Conheça alguns tipos de farinhas funcionais e seus benefícios:

1. Farinha de Berinjela

  • Possui até dez vezes mais fibras do que o próprio fruto;
  • Ajuda no emagrecimento;
  • Regula o funcionamento do intestino;
  • Diminui os níveis de colesterol e protege o coração;
  • É rica em vitamina A, complexo B e C e sais minerais como o cálcio, fósforo, ferro;
  • Contém flavonoides e elementos antioxidantes na casca, que previnem o câncer;
  • São ricas em fibras, que diminuem a concentração das gorduras;
  • Promovem saciedade. 

Farinha de berinjela.

2. Farinha de Linhaça

  • Excelente fonte de fibras, proteínas e Omega-3;
  • Reduzem os níveis de colesterol;
  • Melhoram o funcionamento intestinal;
  • Previnem o risco de tumores.
Leia Também:  Alimentos que todas as mulheres devem comer

3. Farinha de Maracujá 

  • Pode ser feita da casca, da poupa e da semente da fruta;
  • Atua como calmante;
  • Dificulta a absorção de gorduras;
  • Ajuda a acabar com a insônia, quando consumida a noite;
  • Diminui a ansiedade e equilibra os níveis de glicose.

4. Farinha de Uva

  • Feita da casca de uvas vermelhas;
  • É rica em antioxidantes, como o revestrol que protege as artérias;
  • Possui mais benefícios quando consumida a noite.

5. Farinha de banana verde

  • Possui 84% de carboidratos que não são quebrados facilmente, semelhantes às fibras;
  • Estimula a flora intestinal, acabando com a constipação;
  • Retira a gordura dos vasos;
  • Facilita no emagrecimento.

Com as farinhas funcionais é possível fazer diversas receitas.

Escolha uma farinha que esteja de acordo com as suas necessidades. Elas devem ser consumidas com consciência e moderação. Suas refeições são muito importantes, nunca as troque por um copo de suco misturado com algum tipo de farinha. Apesar de possuir inúmeras vitaminas e nutrientes, elas não são suficientes para o bom funcionamento do organismo. As farinhas devem ser usadas como um complemento para a alimentação.

Top