Faculdade de Medicina USP

Ajudar ao próximo encarar o trabalho não apenas como uma atividade remunerada, mas acima de tudo como uma missão. Isso é basicamente o que…

Por Redacao em 07/09/2011

Ajudar ao próximo encarar o trabalho não apenas como uma atividade remunerada, mas acima de tudo como uma missão. Isso é basicamente o que pode ser dito de quem quer ser médico ou pelo menos daqueles que querem seguir carreira na área da saúde. E quando o interessado deseja fazer parte do corpo de alunos da faculdade de medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP)?  Veja mais detalhes abaixo.

A faculdade de Medicina da USP forma médicos em diversas especialidades e também outros profissionais que compõem o quadro da saúde, tais como terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e fisioterapeutas. No campus de Ribeirão Preto, além desses, também são oferecidos cursos de Ciências Biológicas – Modalidade Médica, Informática Biomédica e Nutrição e Metabolismo.

Os interessados em cursar Medicina na FMUSP devem ter em mente que o curso completo ocorre em período integral, por seis anos. Além disso, também há pós-graduação, mais conhecida como residência, mestrado e doutorado com mais de 15 áreas de atuação, sendo então, uma boa oportunidade não apenas para a graduação, mas também para o desenvolvimento de pesquisas e avanço do conhecimento.

A faculdade de medicina da USP forma o profissional perante situações internas e externas ao Campus da USP. Há toda uma infraestrutura dentro da faculdade, tais como equipamentos didáticos, laboratórios de anatomia, microscopia, bioquímica e patologia.

O objetivo da faculdade de medicina da USP é formar profissionais que tenham uma boa relação com os pacientes e perceber nesses uma unidade social, mental e física que deve ser muito bem cuidada. Os graduados vão atuar de forma humanística, dentro da ética profissional. Outras metas são atuar de acordo com métodos que visem a apontar as medidas terapêuticas mais indicadas aos atendidos, à saúde e à prevenção das doenças. O profissional vai também saber reconhecer a posição  que ocupará na sociedade e saber lidar com as peculiaridades da saúde no Brasil e dessa forma, adquirir cada vez mais conhecimento contribuindo para a evolução da ciência médica, entre outros aspectos.

Para ingressar na FMUSP, é preciso antes passar no vestibular da Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest) , cujas inscrições já estão abertas e seguem até o dia 9 de setembro no site www.fuvest.br. A taxa é de R$120 e deve ser paga em bancos ou pela internet até dia 12 do mesmo mês, com boleto gerado até o último dia permitido para participar.

Os candidatos passarão por duas fases: a primeira, uma prova objetiva prevista para 27 de novembro, com 90 questões das disciplinas do ensino médio. Na segunda fase, haverá redação e questões discursivas de Português (10), núcleo comum do ensino médio (16) e 12 específicas. Algumas carreiras contam com prova de habilidade específica. A nota final será a média aritmética das pontuações obtidas. Existem também acréscimos de notas para aqueles que estudaram todo o ensino fundamental e/ou médio em escola pública. Confira mais detalhes no site www.fuvest.br

A concorrência é bem grande no curso de medicina. No ano passado, a estatística de inscritos na carreira de medicina foi de 50 candidatos por vaga.

Top