Exposições Gratuitas de Arte

Muita gente argumenta que nunca teve contato com cultura porque requer muito dinheiro, que os lugares cobram muito caro e que é algo distante…

Muita gente argumenta que nunca teve contato com cultura porque requer muito dinheiro, que os lugares cobram muito caro e que é algo distante da realidade de boa parte de brasileiros. Mas isso é um argumento falido já que ocorrem milhares de exposições de artes gratuitas distribuídas pelas principais cidades do país. Basta estar antenado para saber direitinho onde estão acontecendo e em que dias e horários.

Quem está no Rio de Janeiro não pode perder as grandes oportunidades de ver exposições de artes gratuitas em grandes prédios que fizeram e fazem parte da nossa memória nacional, especialmente no centro da capital, lugar tão precioso e muito íntimo da história do país. O Museu Nacional de Belas Artes, por exemplo, é um ambiente maravilhoso que está de portas abertas a toda população. No momento, está ocorrendo a exposição “Rio: a arte da animação”, que mostra os bastidores daquele filme da arara azul, o “Rio”, de Carlos Saldanha. Está aberto gratuitamente somente aos domingos, das 12h às 17h, até 4 de setembro. O endereço é Avenida Rio Branco, 199, Centro.

Ainda pelo Centro da cidade é possível dar uma parada no Museu Histórico Nacional para ver exposições de arte gratuitas, com o mesmo esquema gratuito aos domingos e horário citado acima. Até o dia 11 de setembro, ocorre “Histórias preciosas da Magna Grécia ao terceiro milênio, que é uma mostra que reúne 150 joias em pedras preciosas, ourto e prata, criadas por Gerardo Sacco, um design italiano. No Museu, também é possível conferir o “Novo Circuito de Exposições de Longa Duração” com peças desde a pré-história brasileira até o século XXI, contando com obras de artistas contemporâneos. Essa não tem data para acabar. O endereço é Praça Marechal Âncora, s/nº, Praça Quinze.

Um lugar que frequentemente abriga lindas exposições de arte gratuitas é o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), presente em Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo.

Em Brasília, por exemplo, está em cartaz o projeto “Aberto” que tem como objetivo ocupar diversos locais da capital do Brasil com muitas obras de 18 artistas de artes visuais, cada uma feita perfeitamente para o lugar onde ela está. Os interessados podem conferir na Sala Multiuso do CCBB a explicação sobre a trajetória do produto de cada artista. Há também trabalhos nos jardins do centro cultural e em diversos pontos da cidade.  Quem quiser ir ao centro deve se dirigir das 9h às 21h, de terça a domingo.( horário e dias comuns a todas as unidades do centro cultural). O CCBB DF fica na SECS, Trecho 02, Conjunto 22.

Ainda falando de CCBB, no Rio de Janeiro está acontecendo uma exposição internacional que reúne o olhar de 12 consagrados artistas sobre o status da imagem e suas metamorfoses dentro da estética punk, até o dia 2 de outubro. Além dessa, até 28 de setembro, está sendo apresentada também a Mostra internacional multimeios de Miles Davis. O endereço é Rua Primeiro de Março, 66, Centro, Rio de Janeiro, RJ.

Os paulistas não estão fora do circuito artístico e podem conferir também exposições de artes gratuitas. No CCBB de São Paulo, a partir do dia 20 de agosto, haverá uma mostra sobre a artista plástica japonesa Mariko Mori. Serão instalações, desenhos, fotografias, esculturas e vídeos dela e sobre ela. O CCBB SP se localiza na Rua Álvares Penteado, 112, Centro, São Paulo, SP.

Top