Exercícios que aumentam a concentração

Existem pessoas que sentem dificuldades para manter a concentração em determinadas tarefas. Esta defasagem acaba afetando o desempenho intelectual do indivíduo e fazendo com…

Por Isabella Moretti em 21/03/2012

Estudos comprovam que os exercícios físicos melhoram a concentração.

Existem pessoas que sentem dificuldades para manter a concentração em determinadas tarefas. Esta defasagem acaba afetando o desempenho intelectual do indivíduo e fazendo com que ele perca o foco facilmente. Crianças, jovens e adultos que não conseguem se concentrar direito são prejudicados em vários pontos da visa, inclusive nos estudos.

Estudos realizados nos últimos anos apontam que as atividades físicas melhoram o funcionamento do cérebro e, em consequência, a concentração. De acordo com as pesquisas da Universidade de Leeds, no Reino Unido, o indivíduo que se submete a exercícios por pelo menos 15 minutos ao dia já conta com melhorias na cognição.

Os pesquisadores ainda defendem a tese de que os exercícios físicos na escola podem contribuir com o rendimento dos alunos, já que ajuda a desenvolver os mecanismos do cérebro.

Sobre a concentração

Concentrar-se requer estímulos.

A concentração consiste na capacidade do sujeito em manter a atenção numa determinada atividade que está realizando. Trata-se de um importante elemento do processo cognitivo, que permite adquirir conhecimentos e desenvolver o raciocínio. Quando uma pessoa esta desconcentrada, ela não recebe os estímulos que necessita para a aprendizagem.

A falta de concentração pode trazer vários danos para a vida pessoal e profissional. O déficit faz com que os estudos não tenham o rendimento esperado e a carreira não apresente grandes resultados. Normalmente a distração aparece como principal justificativa da ausência de concentração.

Conheça os exercícios que melhoram a concentração

Reservar um momento do dia para praticar atividades aeróbicas é uma forma de aumentar a concentração e combater a sonolência. Confira a seguir algumas sugestões de exercícios simples:

1. O ato de subir e descer escadas é rotineiro, mas costuma melhorar a concentração. Pesquisas apontam que a atividade aumenta a frequência cardíaca e a temperatura do corpo, deixando o indivíduo mais desperto e atento para as atividades.

2. Coloque os dedos na reentrância base do crânio, em seguida posicione a outra mão no umbigo. Respire fundo por um minuto e depois toque o lado oposto do crânio. Este exercício deve ser repetido pelo menos três vezes.

O alongamento melhora a concentração no trabalho ou no estudo.

3. Fique de pé, estenda as mãos em direção ao teto e mantenha os braços erguidos por 15 segundo. Prossiga o alongamento colocando a mão direita na nuca e puxando o cotovelo flexionado para o lado esquerdo, por trás da cabeça. O mesmo deve ser feito com o outro braço. Finalize o alongamento entrelaçando os dedos atrás das costas, deixando as palmas das mãos voltadas para baixo.

Faça os exercícios e se concentre melhor nos estudos ou no trabalho.

Top