Estudar na Argentina 2011

Realizar um estudo em outro país é uma experiência sem igual. Deixar para trás, ainda que somente por um tempo, ou talvez para toda…

Por Redacao em 23/07/2011

Realizar um estudo em outro país é uma experiência sem igual. Deixar para trás, ainda que somente por um tempo, ou talvez para toda a vida, um país em que foi adquirida toda sua cultura e língua, pode parecer algo complicado e que traga medo e nervosismo para muitos, mas também, a viagem para uma porção de novidades que espera o estudante é o que compensa a saudade dos parentes, dos amigos próximos e de tudo aquilo que fez parte do cotidiano. E, nos dias de hoje, está cada vez mais fácil encontrar escolas em diferentes países para se aprofundar nos estudos, seja em curso superior, ginasial, ou cursos voltados à aquisição de um idioma estrangeiro. Para os brasileiros, aprender espanhol é uma tarefa razoavelmente fácil, visto que as similaridades do idioma, somadas ao fato do Brasil estar próximo a países falantes dessa língua, faz com que muitos jovens escolham nações latino americanas para aprender coisas novas, como é o caso de quem quer estudar na Argentina.

O país, que faz fronteira com o Brasil, é conhecido por lugares famosos como a cidade de Buenos Aires, Bariloche e Patagônia. Além disso, outro triunfo argentino que todos se lembram é o ritmo musical considerado um dos mais sensuais do mundo: o tango. Já em em terras tupiniquins, os argentinos são conhecidos principalmente pela rivalidade no futebol, e, ainda que o apelido de hermanos soe também com rivalidade, a relação entre os dois países mantém se boa, economicamente.

Mas quem deseja ingressar numa rota de estudo com destino à Argentina, deve levar em considerações itens importantes, como, os cinco passos levantados pelo site Viveen Buenos Aires.com.  Já na página inicial, você pode encontrar etapas que procuram elucidar as principais dúvidas que os estudantes possuem. Em primeiro, o site levantou o ponto em questão com relação a como escolher a sua carreira, mostrando, também, que o próprio Viveenbuenosaires.com tem opções de diferentes cursos em universidades públicas e particulares da cidade de Buenos Aires. Em segundo, é levantada toda a relação de itens essenciais para o estudo, no item “o que necessito para começar a estudar?”. O site também elenca toda a documentação para que seja possível realizar os estudos no exterior, garantindo um processo ágil e sem burocracia nesta etapa. Em terceiro, um dos itens que a maioria dos estudantes levam mais em consideração, que é o de quanto será o gasto para viver em outros país. Segundo a página, viver em Buenos Aires é mais econômico que muitas cidades brasileiras, e o conteúdo levanta os principais gastos. Depois é levada em consideração a questão de moradia, que o serviço também promete auxílio e, por fim, como se deve realizar o projeto de estar fora.

Estes passos foram elencados pelo site citado anteriormente, no entanto, é um praticamente um índice do que uma pessoa deve levar em consideração para estudar na Argentina. Outras muitas agências e serviços de intercâmbios estão disponíveis na internet. Uma delas é a Educar Intercâmbio Estudantil com a Argentina, acessível através do endereço virtual www.educarintercambios.com. No site, estão todas as informações de como proceder, quais os serviços prestados, dados sobre a Argentina, cursos, alojamentos e dicas de viagem. Além disso, na seção “Passo a passo” está descrita todas as etapas necessárias, em dezesseis estágios, para realizar o processo da inscrição e do assessoramento de intercâmbio.

Top