Estresse infantil: como evitar

Assim como os adultos, as crianças também passam por períodos estressantes, principalmente quando as aulas começam. Cobranças exageradas, inúmeros cursos extra-curriculares e críticas podem…

Por Editorial MDT em 03/02/2012

A tristeza e o cansaço excessivos são sinais de estresse infantil. (Foto: Divulgação)

Assim como os adultos, as crianças também passam por períodos estressantes, principalmente quando as aulas começam. Cobranças exageradas, inúmeros cursos extra-curriculares e críticas podem levar as crianças a quadros de estresse perigosos que podem levá-las à depressão. Por isso, saiba como evitar o estresse infantil.

As crianças foram feitas para brincarem e se divertirem. Portanto, não adianta colocá-las em diversos cursos. Há pequenos que fazem inglês, espanhol, futebol, caratê, balé, pintura e vários outros cursos somente para ocupar o tempo enquanto os seus pais trabalham ou pior, para não atrapalhar eles quando estão em casa. No entanto, é preciso dar um tempo para a criança ser criança, ou seja, para brincar. Uma criança que não brinca, não é feliz e, por isso, fica estressada.

Na hora de cobrar o seu filho, seja prudente. Não adianta culpá-lo por algo que ele não teve culpa. Sendo assim, se ele está tirando notas baixas, tente encontrar a raiz do problema, e não jogar tudo nas costas dele. Então, converse com a professora dele ou passe mais tempo com ele para estudarem juntos as suas dificuldades escolares. Com amor, afeto, paciência e atenção, o seu filho conseguirá superar todos os seus problemas.

As críticas, portanto, devem ser sempre construtivas. Para tanto, sempre que apontar um problema, dê uma solução. Assim, a criança saberá como agir para superar as suas dificuldades e não vai ficar se culpando pelos erros cometidos. Sendo assim, nunca diga ao seu filho que ele nunca aprenderá porque ele é “burro” ou porque ele não quer aprender. Seja paciente e tente explicar-lhe de um modo mais fácil o que ele não consegue entender.

As críticas quanto às notas escolares devem ser sempre construtivas. (Foto: Divulgação)

No mundo atual, as crianças têm tantas obrigações quanto um adulto. Por isso, não há como não ficarem estressadas em meio a tanta correria e cobranças. Então, para dar uma vida mais saudável aos seus filhos, não exija mais que eles podem lhe dar e deixe que eles vivam esse período tão curto com prazer, deixando que brinquem e se divirtam sempre que puderem. Desse modo, eles serão felizes e crescerão prontos para enfrentarem a vida adulta com maturidade e responsabilidade.

 

 

Top