Espinhas internas: como tratar

As espinhas são pesadelos para muitas pessoas, principalmente quando são internas. A acne interna é mais complexa porque fica escondida debaixo da pele e…

As espinhas são pesadelos para muitas pessoas, principalmente quando são internas. A acne interna é mais complexa porque fica escondida debaixo da pele e demora muito tempo para chegar até a superfície. Não se deve tentar espremer, já que isso pode piorar o problema. Saiba mais sobre o assunto e veja como tratar espinhas internas.

As espinhas internas causam muitas dores. (Foto: divulgação)

Espinhas internas

As espinhas internas são muito diferentes das espinhas comuns podendo ser muito dolorosas. Quando se trata de uma comum podemos ver que elas ficam mais brancas ou em tons amarelados, nesse momento podemos espremer com facilidade e em poucos dias elas desaparecem.

Porém, as espinhas internas não ficam para fora da pele, não formando uma camada fina exposta, por isso não conseguimos espremer. Não se deve tentar apertar esse tipo de espinha, pois pode agravar ainda mais a situação e deixar a espinha ainda maior.

Não se deve espremer as espinhas internas. (Foto: divulgação)

Veja também como acabar com as espinhas na adolescência 

Como trata espinha interna

Não se deve espremer uma espinha interna, o jeito é optar por métodos que removem a espinha sem a necessidade de fazer muitos esforços. O primeiro método para remover esse tipo de acne é fazer uma compressa de algodão com água quente e deixar na região por alguns minutos, fazendo com que a espinha saia naturalmente. Repita o procedimento quantas vezes for preciso para eliminar o problema.

Outro método para tirar espinhar internas e deixar o vapor correr na região, fervendo um pouco de água e colocando em um recipiente e com auxilio de uma toalha de banho. Deixar a parte que se encontra na espinha ao vapor, faz com que os poros sejam abertos e elimine a temida espinha.

Leia Também:  Produtos para espinhas internas

Além dos métodos para eliminar a espinha interna é necessário saber porque elas ocorrem, na maior parte elas surgem devido a oleosidade da pele. Para combater essa oleosidade o ideal é que você lave o rosto três vezes ao dia e evite usar produtos cremosos. Aposte nos cremes em gel e faça esfoliações semanais.

É importante manter a pele limpa para acabar com as espinhas internas. (Foto: divulgação)

Veja também receitas caseiras para secar espinhas 

As espinhas internas são muito dolorosas e difíceis de serem eliminadas. Elas podem ser causadas por vários fatores, como oleosidade excessiva da pele. O mais indicado é procurar um dermatologista para avaliar o caso e indicar o tratamento adequado. Os tratamentos caseiros também são excelentes opções para acabar com as espinhas internas.

Top