Escola de Pole Dance em SP

A técnica do Pole Dance teve sua origem ligada à prática do mallakhamb (ginástica praticada em geral pelas sociedades indianas) onde homens dotados de…

Por Redacao em 17/03/2011

A técnica do Pole Dance teve sua origem ligada à prática do mallakhamb (ginástica praticada em geral pelas sociedades indianas) onde homens dotados de grande força realizam uma série de acrobacias e movimentos de equilíbrio e flexibilidade utilizando-se de cordas e um poste de madeira no sentido vertical. Esse esporte é realizado nas praças da Índia diariamente e ao ar livre, como uma espécie de brincadeira que já dura cerca de 250 anos. No entanto, o pole dance ou dança do cano como conhecemos hoje nasceu na década de 20 nos Estados Unidos e a pricípio era apenas uma atividade circence.

Contudo, somente por volta dos anos 90 a dança do cano passou a ser praticada para fins aeróbicos, quando vídeos desse esporte foram produzidos na tentativa de instruir donas de casa sedentárias. Vendo o grande crescimento do público feminino que praticava o pole dance em casa as acâdemias norte-americanas acabaram tendo de se render, aderindo a prática desse esporte em suas aulas. Mais tarde, as Escolas de Pole Dance conquistaram outros territórios no mundo chegando até a América Latina e por consequência alcançando os estados brasileiros.

A prática do pole dance atraí cada vez mais mulheres interessadas em manter a boa forma física e em surpreender os maridões com técnicas sensuais e ousadas. As escolas de Pole Dance em SP são encontradas em duas grandes áreas: na Vila Madalena e em Guarulhos, equipadas com instrumentos  seguros e altamente tecnológicos, que garantem as alunas muito conforto enquanto elas aprendem a explorar da forma mais produtiva toda a sua sensualidade. As aulas podem ser individuais ou em grupos de acordo com a vontade das alunas.

A mistura de esporte e dança é comum também em casas noturnas, espetáculos de grandes circos e atualmente, disputas de campeonatos mudiais. “Considerada um aliado a saúde física a arte do pole dance trabalha o corpo de uma maneira geral e os resultados aparecem muito rápido, principalmente nos membros superiores, braços, nas costas, no abdômen e, por consequência, em todo o resto”, afirma Vanessa Costa – Membro do Conselho Internacional da Dança – CID. Então para todas as mulheres interessadas nos exercícios do pole dance, vale lembrar: existem cerca de 300 movimentos e combinações, mas que serão desenvolvidas todas a seu tempo de acordo com as turmas, que são divididas conforme a dificuldade – básico, intermediário e avançado – tudo ao seu tempo o exercício promete mudanças corporais significativas e aquelas cenas sensuais de cinema.

 

Top