Erros mais comuns de quem faz musculação

A musculação é o tipo de exercício mais comum nas academias, e apesar de algumas pessoas preferirem os treinos aeróbicos e torcerem o nariz…

A musculação é o tipo de exercício mais comum nas academias, e apesar de algumas pessoas preferirem os treinos aeróbicos e torcerem o nariz quando precisam “puxar ferro”, outros levam muito a sério esse processo de fortalecimento muscular.

Para conquistar músculos bem definidos é preciso seguir algumas recomendações importantes. (Foto: divulgação)

Um problema bastante comum, especialmente entre os iniciantes ansiosos por resultados, são os erros de treinamento que, além de prejudicar o desenvolvimento muscular, também prejudicam a saúde. Fique por dentro do assunto e conheça os erros mais comuns de quem faz musculação.

Erros mais comuns de quem faz musculação

De nada adianta passar várias horas na academia, malhando, se não seguir algumas recomendações básicas e fundamentais para conseguir músculos mais definidos e bem trabalhados. Confira dicas para ganhar massa magra de maneira saudável e evitar os pequenos deslizes que prejudicam a saúde.

  • Não dar importância para a alimentação

É impossível conseguir resultados satisfatórios com os treinos de musculação sem seguir uma dieta alimentar balanceada. É recomendado procurar orientação de nutricionista, capaz de indicar os alimentos que devem ser consumidos ao longo dia, antes, durante e após o treino;

  • Ficar na academia mais tempo que o necessário

50 minutos é tempo suficiente para um treino normal de musculação. Apesar de parecer que passar várias horas malhando colabora para ficar musculoso mais rápido, a verdade é outra, pois o risco de lesão muscular aumenta nos exercícios mais intensos;

Ser ponderado na intensidade e tipos de exercícios é necessário. (Foto: divulgação)

  • Treinar o mesmo grupo muscular mais que três vezes semanais

Dependendo da atividade realizada os músculos podem necessitar de 24 a 72 horas de repouso, para que as fibras possam se regenerar e aumentar de volume. Não respeitar esse intervalo de descanso, que é tão importante quanto os próprios treinos trinos de musculação, só contribui para a perda músculos, que são lesados irreversivelmente;

  • Fazer muitos exercícios para o mesmo grupo muscular
Leia Também:  36,6 milhões de americanos conquistaram empregos através de redes sociais este ano

O correto é realizar, no máximo, três exercícios diferentes para cada grupamento muscular durante a mesma sessão de malhação. Exagerar na quantidade de exercícios para um mesmo grupamento aumenta as chances de lesões das fibras musculares e não trazem nenhum benefício para quem está começando a malhar. É possível planejar modelos de treino que contam com a realização de vários exercícios para um único grupo de músculos, mas essa prática deve ser feita com bastante cautela, por profissional qualificado, e está contraindicada para iniciantes;

  • Não realizar os exercícios com a carga de peso ideal

Se o objetivo é ganhar massa magra, a cada dia de treino é necessário se esforçar para aumentar a carga de peso dos exercícios. Esse é o principal fator envolvido com o crescimento dos músculos e, se não houver aumento de carga, os resultados finais acabam sendo limitados.

Conseguir o corpo desejado é uma tarefa que exige paciência e determinação. (Foto: divulgação)

Pegar firme na musculação, em busca de um corpo bem trabalhado e músculos bem definidos, não é uma tarefa simples e é preciso tomar cuidado para evitar alguns deslizes importantes, que podem comprometer o resultado final. Por isso vale a pena ficar por dentro do assunto e conhecer os erros mais comuns de quem faz musculação.

Top