Erros mais comuns ao fazer declaração de IR

A Receita Federal divulgou recentemente as novas regras para o imposto de renda 2013. Neste ano, os contribuintes terão um prazo de 1º de…

Por Isabella Moretti em 22/02/2013

A Receita Federal divulgou recentemente as novas regras para o imposto de renda 2013. Neste ano, os contribuintes terão um prazo de 1º de março a 30 de abril para fazer a declaração de IR. O programa para enviar dados ao fisco estará disponível no site oficial da Receita a partir do dia 25 de fevereiro.

Na hora de declarar o imposto de renda, é necessário tomar alguns cuidados. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Novas regras de imposto de renda 2013

As pessoas que deverão pagar o imposto de renda 2013 são aquelas que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 24.556,65 em 2012. A cobrança também é válida para rendimentos isentos de tributos superiores à R$ 40 mil.

Os contribuintes que não respeitam o prazo para enviar a declaração de imposto de renda podem acabar pagando multa. Na hora de fornecer as informações, também é importante tomar alguns cuidados para não omitir dados ou preencher errado, caso contrário o indivíduo pode acabar sendo pego pela malha fina.

Principais erros ao declarar IR

Veja a seguir quais são os erros mais frequentes na hora de fazer a declaração de imposto de renda:

Campos de valores preenchidos de forma errada
De acordo com a Receita, um dos principais erros cometidos pelos contribuintes é o preenchimento dos campos de valores. Na hora de colocar os dados na declaração, as pessoas acabam digitando de forma incorreta ou com mais de duas casas decimais.

A Receita Federal não considera o ‘ponto’ como um separador de centavos. Por isso, se o contribuinte preencher um campo de valor com R$1837.36, o sistema vai considerar R$ 183.736. Se nada for digitado depois do ponto, o programa adiciona dois zeros. Ao invés de incluir pontos, o contribuinte deve usar a vírgula para definir os centavos no valor.

É necessário preencher as informações corretamente. (Foto:Divulgação)

Ocultar ou fornecer informações incorretas
Na hora de preencher a ficha de rendimentos tributáveis, o contribuinte deve tomar cuidado para não fornecer informações incompletas. A falta de dados é um motivo para a receita reter o indivíduo na malha fina.

Entre os principais erros cometidos na hora de preencher a ficha, estão: não informar o número do CNPJ das fontes pagadoras, informar valores diferentes dos comprovantes, deixar de informar dependentes e não informar todos os rendimentos.

Deixar para declarar IR na última hora
A declaração de imposto de renda deve ser feita dentro do prazo, caso contrário o contribuinte é obrigado a pagar multa e tem mais chances de errar no preenchimento. Os documentos relacionados aos rendimentos devem ser reunidos com antecedência e as informações fornecidas com muita calma.

Quanto mais próximo do final do prazo o contribuinte declarar, mais congestionado estará o site da Receita e mais difícil será a tarefa de corrigir um erro.

Veja também: Dicas para pagar menos Imposto de Renda

Os contribuintes não podem deixar para declarar o imposto de renda na última hora. (Foto:Divulgação)

Top