Erros comuns no jantar que prejudicam a dieta

Alguns erros frequentemente cometidos durante a refeição noturna, o jantar, podem prejudicar a alimentação e impedir que se tenha uma dieta balanceada. Por isso, é necessário ter cuidados com o que é consumido durante a janta. Saiba mais sobre os erros comuns no jantar que prejudicam a dieta.

Aposte em refeições leves no jantar. (Foto: divulgação)

Importância do jantar

A refeição noturna fecha com chave-de-ouro o nosso dia. É ele que fornece os nutrientes que faltam e garante as quantidades adequadas para o organismo. Dessa forma, como todas as refeições do dia, o jantar não deve ser deixado de lado. Pois além de tudo, ele irá recompensar o corpo para o período de sono.

jantar deve fornecer energia e volume alimentar adequado, evitando as sobrecargas no organismo e permitindo um sono tranquilo. O maior cuidado que se deve ter ao fazer o jantar é ajustar o volume da refeição com o horário de se deitar.

O jantar deve ser balanceado. (Foto: divulgação)

Veja também os benefícios de uma alimentação saudável 

Erros comuns no jantar que prejudicam a dieta

1. Comer muito no jantar: algumas pessoas possuem o costume de ter o jantar como a principal alimentação do dia, mas isso é um erro. A janta precisa ser uma alimentação mais leve, pois durante o sono não gastamos tantas calorias. É no início do dia que o corpo precisa de mais energia, para gastar nas atividades. É importante não exagerar na quantidade de alimentos ingeridos durante a janta.

2. Colocar várias travessas sobre a mesa: o excesso de comida sobre a mesa faz com que a pessoa coma mais. Sendo assim, o ideal é servir no fogão e esperar pelo menos 10 minutos para ir para a segunda rodada.

3. Sal na mesa: ter esse tempero à mesa leva a um consumo maior de sódio. O ideal é apostar em outros temperos como pimenta e ervas secas.

4. Comer em frente à TV: ocorre um consumo involuntário de alimentos enquanto a tela está ligada. Por isso, é importante separar o jantar de outras atividades para evitar os exageros e erros durante as refeições.

5. Comer sobremesas: terminar o jantar e já comer uma sobremesa é a forma mais eficaz de exceder nas calorias. Além disso, o aumento do açúcar no sangue pode atrapalhar o sono.

6. Comer fora de casa: jantar fora de casa geralmente resulta em excessos de comida. Segundo especialistas, em restaurantes as comidas são mais calóricas, com grande quantidade de sal, gordura e açúcar. O ideal é não sair para jantar mais que uma vez por semana.

A alimentação no jantar é essencial para o nosso corpo. (Foto: divulgação)

Veja também cinco sugestões de pratos para o jantar 

O jantar é uma refeição muito importante para o bom funcionamento do nosso organismo. Porém, ele deve ser feito de forma balanceada para evitar os exageros e não prejudicar a nossa dieta. O ideal é consultar uma nutricionista para indicar os melhores alimentos para o jantar, dessa forma é possível evitar os erros comuns no jantar que prejudicam a saúde.

Reply