Em apenas 45 minutos, Timão goleia o Atlético-GO e reassume a liderança do Brasileirão

Com primeiro tempo arrasador, Corinthians faz 3 a 0 no Dragão e volta a ser o líder do nacional. Adriano entrou na segunda etapa e teve uma estreia discreta

Corintiano William marcou o segundo gol do Timão na goleada sobre o Dragão

O Corinthians precisou de apenas 45 minutos para golear o Atlético Goianiense por 3 a 0, no Pacaembu, e reassumir a liderança do Brasileirão. Depois de um primeiro tempo avassalador, em que pressionou o time goiano e marcou três vezes, com Leandro Castán, William e Alex, o Timão diminuiu o ritmo na segunda etapa e apenas administrou o resultado.

O ponto positivo da etapa complementar foi a estreia do atacante Adriano, que entrou em campo aos 34 minutos do segundo tempo. Porém, ainda sem estar 100% fisicamente, o Imperador teve uma atuação discreta nos poucos minutos em que permaneceu no gramado.

Com a vitória, o Timão retoma a liderança do Brasileirão, com 51 pontos, e se enche de moral para a reta final da competição.

Timão a mil na primeira etapa

Na etapa inicial, o Timão literalmente atropelou o Atlético Goianiense. Logo aos oito minutos de partida, o alvinegro paulista já abriu o marcador. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Leandro Castán subiu mais que a zaga do Dragão para marcar: 1 a 0 Timão.

Bem posicionado no gramado e com uma postura bastante ofensiva, o Corinthians continuou pressionando o Atlético em busca do segundo gol. Com Danilo, Jorge Henrique e William se movimentando bastante na frente, o Timão tinha facilidades na hora de criar jogadas e envolvia os zagueiros goianos.

Aos 33, o atacante William ampliou. O atacante recuperou a bola e com extrema categoria finalizou, de esquerda, sem chances para o goleiro Márcio.

Depois do segundo gol, o Atlético arriscou algumas investidas no ataque, mas sem sucesso. Na tentativa de diminuir o marcador, o Dragão se lançou ao ataque e deu espaços para o Corinthians. Aos 41, o meia Alex não desperdiçou e marcou o terceiro do Timão. Alex avançou sozinho pelo lado direito e encheu a bomba de perna direita para ampliar: goleada alvinegra.

Continuar Lendo  Figueirense x Corinthians: título e vaga na Libertadores em jogo

Jogo morno e estreia de Adriano no segundo tempo

A segunda etapa teve início com o Atlético partindo para o ataque. Com três gols de vantagem, o Corinthians passou a administrar o resultado e a explorar os contra-ataques. Aos 13 minutos, o Dragão quase diminuiu com Anselmo. O atacante recebeu pela direita e chutou forte para grande defesa de Julio César.

O Corinthians diminuiu o ritmo e chegava com menos frequencia ao ataque. Em uma das poucas tentativas até os 25, o volante Paulinho arriscou de longe, mas a bola passou à direita do gol de Márcio.

Aos 34 minutos aconteceu o que todos os torcedores presentes ao Pacaembu mais esperavam no domingo. O técnico Tite chamou Adriano no banco de reservas e colocou o Imperador em campo para fazer sua estreia com a camisa do Timão.

Bem postado na marcação, o Corinthians armou duas linhas defensivas e não dava espaços para o Atlético criar uma jogada mais aguda de gol. Assim, os jogadores do Dragão trocavam passes na intermediária, mas sem agredir o Timão.

No último lance do jogo, o peruano Ramires invadiu a área sozinho, mas em vez de bater no gol, preferiu rolar do lado para Adriano, que chegou atrasado e não concluiu a jogada.

Top