Edital do Enem deve ser divulgado neste mês

Luiz Cláudio Costa, presidente do Inep (Instituto Nacional Educacionais), declarou nesta quarta-feira (16) que terminará hoje o edital do Enem (Exame Nacional do Ensino…

Por Editorial MDT em 17/05/2012

O regulamento deve ser anunciado ainda neste mês.

Luiz Cláudio Costa, presidente do Inep (Instituto Nacional Educacionais), declarou nesta quarta-feira (16) que terminará hoje o edital do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) com Aloizio Mercadante, ministro da Educação. O regulamento deve ser anunciado ainda neste mês.

Ao longo do discurso no 5º Fórum da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o presidente da entidade responsável pela prova disse que sua equipe trabalhou “fortemente na questão da redação e do banco de itens”.

Leia mais: Mudanças no Enem 2013

As principais alterações que precisam ser realizadas no Enem são quanto à avaliação da redação. Até 2011, as redações eram avaliadas por dois corretores e, quando havia diferença de mais de 300 pontos, o documento era dirigido a um supervisor que dá a nota final do candidato.

No ano passado aumentaram os processos judiciais de concorrentes que interrogaram suas notas final. A partir deste ano, a diferença entre as notas pode cair e o número de corretores deve crescer.

Luiz afirmou que é necessário aperfeiçoar o processo e restringir qualquer especulação quanto à segurança da prova. Ele chamou os múltiplos problemas das edições passadas de “fatos isolados” e alegou que não tiveram a ver com gestão.

Prova Brasil

Os resultados devem ser anunciados entre final de junho e começo de julho deste ano.

Segundo Luiz, os dados da Prova Brasil do ano passado devem ser anunciados entre  final de junho e começo de julho deste ano.

Atendendo a uma reivindicação da Undime, as decorrências da prova que é base para o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) serão divulgados primeiro para os secretários, para que, desse modo não sejam surpreendidos pela imprensa.

Luiz também comentou sobre a prova nacional para ingresso na carreira docente. A prova será pre-testada em agosto com 15 mil professores. O Inep trabalha na elaboração de itens para a prova que serão regularizados nesta avaliação.

A prova deverá ocorrer no segundo semestre do ano que vem, e auxiliará as redes na seleção de professores.

Top