Livros de Marçal Aquino: quais são

Nascido em Amparo, no interior de São Paulo, Marçal Aquino é atualmente considerado um dos mais célebres escritores da literatura nacional. Entre suas obras…

Nascido em Amparo, no interior de São Paulo, Marçal Aquino é atualmente considerado um dos mais célebres escritores da literatura nacional. Entre suas obras principais estão: “Faroeste”, “Famílias terrivelmente felizes”, “O invasor”, “Cabeça a prêmio” e “Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios”. Confira livros de Marçal Aquino:

Marçal Aquino (Foto Divulgação)

Livros de Marçal Aquino

Leia mais: Escritores brasileiros famosos no mundo

A Turma da Rua Quinze

Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios

O Mistério da Cidade-Fantasma

O Jogo do Camaleão

O Primeiro Amor e Outros Perigos

Sete Faces da Primeira Vez

O Invasor

Famílias Terrivelmente Felizes

Sete faces do crime

Cabeça a Prêmio

Sete faces da mulher

O Amor e Outros Objetos Pontiagudos

Gente em Conflito

Sete faces da família

" Família Terrivelmente Felizes" por Marçal Aquino. (Foto Divulgação)

Sete faces da bravura

Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios

Faroestes

As Fomes de Setembro

PS:SP

Miss Danúbio

O Mistério da Cidade-Fantasma

Ficções fraternas

Curiosidades

"O invasor" de Marçal Aquino (Foto Divulgação)

Cultuado sobretudo por obras de contos e novelas normalmente de temática policial, o autor começou a ler ainda na infância de forma espontânea. Aquino já trabalhou como revisor, repórter e redator do Jornal da Tarde o O Estado de São Paulo. Hoje ele trabalha como jornalista free-lancer e faz pequenos trabalhos para a revista Época de São Paulo.

Veja também: Livros brasileiros que mais venderam no mundo

A principal curiosidade sobre o autor é que até hoje Marçal Aquino escreve seus livros à mão. Segundo ele, a literatura é tão pessoal que prefere escrever em seus cadernos à mão.  Outro ponto forte de seus trabalhos é que, ao contrário de muitos autores que já possuem um planejamento de suas histórias, ao iniciar sua escrita, o autor não sabe o que pode acontecer. Marçal não segue um plano de trabalho, escreve conforme sua emoção e imaginação.

Top