Dores nas costas são o motivo de 13% de consultas médicas no Brasil

Todas as pessoas, em algum momento das suas vidas, já reclamaram ou vão reclamar de dores nas costas. Este mal, que afeta 80% da…

As dores nas costas representam uma das principais queixas dos brasileiros. (Foto:Divulgação)

Todas as pessoas, em algum momento das suas vidas, já reclamaram ou vão reclamar de dores nas costas. Este mal, que afeta 80% da população mundial, manifesta-se quando se exige demais da coluna vertebral, tanto nas atividades domésticas como também no trabalho.

Leia também: Saúde das costas: cuide da coluna

A incidência de dores nas costas é grande entre os brasileiros

Um levantamento realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) revelou que a dor nas costas é a terceira maior causa de aposentadoria entre os brasileiros e também representa o segundo maior motivo para os trabalhadores solicitarem licença.

O IBGE também constatou através das suas pesquisas quantitativas que a constância das dores nas costas tem se tornado maior, pois 13% das consultas médicas abrangem algum problema de coluna. As pessoas que participaram da estatística fizeram diversas queixas sobre doenças crônicas, mas as enfermidades que afetam a região das costas se destacaram no levantamento.

As dores de coluna são comuns entre pessoas com mais de 40 anos e podem representar um sintoma de hérnia de disco. De acordo com especialistas, a coluna é composta por vértebras e discos invertebrados, mas a hérnia acaba se formando devido à ruptura da estrutura responsável por abrandar os impactos entre as vértebras, ou seja, os discos. Com o canal vertebral comprometido, as dores começam a se manifestar, afetando as costas e também causando o formigamento das extremidades do corpo (braços e pernas) devido à irradiação da dor.

A postura inadequada é um dos causadores de dores nas costas. (Foto:Divulgação)

Além de hérnia de disco, as dores nas costas podem acontecer devido a outras doenças, como por exemplo, artrose, osteoporose e bico de papagaio. O problema que interfere no dia-a-dia de várias pessoas também pode se manifestar por causa de esforço muscular, postura inadequada, compensação por lesões e falta de exercícios físicos.

Leia Também:  Exercícios para aliviar dores nas costas

Como se não bastasse à pesquisa do IBGE ter identificado a frequência de dores nas costas entre os brasileiros, outros estudos já fizeram grandes descobertas a respeito deste problema de saúde. Os pesquisadores da Universidade da Austrália Ocidental, por exemplo, constataram que as dores nas costas podem estar associadas à insatisfação com o trabalho, isto é, a tensão psicológica.

Como prevenir dores nas costas?

Quem já possui patologias na coluna vertebral deve tomar alguns cuidados constantes. Os especialistas recomendam a prática de exercícios físicos para combater os males do sedentarismo, mas não são todas as atividades que fazem bem para a saúde das costas. Por exemplo, é recomendado evitar movimentos que envolvem muito impacto, como corridas e saltos, além das mudanças bruscas de direção presente em vários esportes.

Fazer alongamento adequadamente é uma das formas de prevenção. (Foto:Divulgação)

Já as pessoas que não desejam se tornar vítimas das dores nas costas devem realizar alongamentos regularmente, manter postura correta e controlar a quantidade de peso carregada no dia-a-dia. Quando aparecer algum sintoma que pode sinalizar problemas de coluna, como o formigamento, é recomendado buscar ajuda de um especialista.

Saiba mais: Exercícios para dor nas costas

Top