Dietas com baixa densidade calórica

A dieta com baixa densidade calórica é uma nova tendência que promete tomar conta da área de emagrecimento. Ela é baseada no consumo de…

A dieta com baixa densidade calórica é uma nova tendência que promete tomar conta da área de emagrecimento. Ela é baseada no consumo de alimentos com calorias negativas e grandes quantidades de fibras.

Perca peso comendo alimentos com poucas calorias. (Foto Ilustrativa)

Perca peso comendo alimentos com poucas calorias. (Foto Ilustrativa)

Emagrecer é o desejo de muitas pessoas, mas nem sempre essa tarefa é fácil. Para conseguir perder peso de verdade, é preciso manter um cardápio balanceado e praticar exercícios físicos. Recentemente, o mundo fitness começou a divulgar a dieta baseada na ingestão de alimentos com poucas calorias.

Entenda a dieta com baixa densidade calórica

As dietas com baixa densidade calórica são ótimas para emagrecer ou controlar o peso. Elas propõem o consumo de alimentos com calorias negativas ao longo das refeições. Em geral, esses produtos possuem valor calórico baixo e mesmo assim fornecem energia para o corpo.

Ao realizar a dieta de calorias negativas, a pessoa ingere mais frutas, verduras, legumes e cereais integrais. Os temperos com ação termogênica também fazem parte do cardápio, afinal, ativam o metabolismo e aceleram a queima de gordura. Entre os condimentos que enxugam as medidas, vale destacar: gengibre, açafrão, pimenta e manjericão.

Seguindo o programa de emagrecimento, é possível eliminar até quatro quilos em apenas 20 dias de dieta.

Alimentos com calorias negativas

Abobrinha e alface são boas opções alimentares. (Foto Ilustrativa)

Abobrinha e alface são boas opções alimentares. (Foto Ilustrativa)

Não sabe o que comer na dieta com calorias negativas? Veja a seguir algumas sugestões de alimentos:

Abobrinha: uma porção de 100 gramas desse legume tem apenas 20 calorias, portanto, é uma ótima opção para incluir nas refeições. O alimento é rico em cálcio, potássio e proteínas, por isso contribui com a renovação celular e com a saúde óssea.

Leia Também:  Frutas que ajudam a emagrecer

Berinjela: essa hortaliça não pode ficar de fora da lista de alimentos com calorias negativas. Ela é rica em fibras, minerais (ferro, cálcio, potássio e magnésio) e vitaminas (A, C, B5, B2 e B1). Além de ser muito nutritiva, também tem baixo valor calórico: somente 20 calorias a cada 100 gramas.

Alface: comer alface na hora do almoço ou jantar é uma forma de emagrecer e fortalecer o corpo. A verdura, com apenas 11 calorias a cada 100 gramas, é uma fonte de ferro, fibras, vitamina A e potássio.

Melancia: há muitas opções de frutas com poucas calorias, como é o caso da melancia, que tem apenas 35 calorias por fatia. Ela é rica em vitaminas, minerais e tantos outros nutrientes que contribuem com a saúde e combatem o envelhecimento.

Aposte no consumo de melancia. (Foto Ilustrativa)

Aposte no consumo de melancia. (Foto Ilustrativa)

Cardápio dieta com baixa densidade calórica

O cardápio da dieta com calorias negativas ajuda a emagrecer rápido, ao passo que valoriza alimentos in natura e porções alimentares moderadas. Confira:

Café da manhã: 1 xícara de café com leite desnatado, 1 fatia de pão integral, 1 colher pequena de requeijão e meio mamão.

Lanche da manhã: 1 copo de suco de melancia.

Almoço: 2 colheres (sopa) de arroz integral, 2 colheres (sopa) de berinjela refogada, 1 pedaço pequeno de filé de frango grelhado e 1 prato de alface.

Lanche da tarde: 1 xícara de chá de maçã com canela e 3 biscoitos integrais.

Jantar: Sopa de abóbora com gengibre.

Perigos da dieta de calorias negativas

Essa dieta oferece bons resultados, mas não deve ser tão restritiva. O ideal é diversificar o cardápio e reconhecer as necessidades nutricionais do corpo. Não se esqueça de que a quantidade de vitaminas e minerais deve estar equilibrada no organismo, assim como as proteínas, gorduras e carboidratos. Somente assim é possível entrar em forma sem comprometer a saúde.

Leia Também:  Conheça os alimentos com calorias negativas

E aí? Você já experimentou a dieta com baixa densidade calórica? O que acha desse programa de emagrecimento? Deixe um comentário.

 

Top