Dieta Para Pessoas com Gastrite

A gastrite é uma inflamação do revestimento do estômago, e dói muito!

O sintoma mais comum é incômodo ou dor estomacal, aquela famosa “queimação na boca do estomago”. Outros sintomas são vômitos, inchaço abdominal e náusea. E é preciso ficar atento, sangue no vômito ou evacuação negra podem ser sinais de sangramento no estômago, e significa que o problema esta gravíssimo necessitando de urgência no atendimento médico.

As causas costumas ser ingestão sem moderação de bebida alcoólica, uso prolongado de remédios como aspirina e de outros antiinflamatórios não-esteroides porque levam à redução da proteção gástrica.

Infecção por bactéria como a Helicobacter pylori e algumas doenças como anemia e refluxo também podem causar a gastrite.

Para saber mesmo se você tem gastrite, será necessário realizar um exame medico chamado endoscopia gastrointestinal superior.

Se você for diagnosticado um paciente com gastrite, prepare-se!

Dizem que a dor chega ser insuportável, muito mais para quem não se trata.

O tratamento é longo e necessita de dedicação, além dos medicamentos é necessário uma dieta bastante rígida.

A primeira providencia a ser tomada  é de evitar o uso de medicamentos como a aspirina e outros antiinflamatórios não-esteróides, bebidas alcoólicas e cigarro.

Na hora de se alimentar diga adeus ao “Fast Food”, coma menores porções, mastigando bem, e não passe mais de 3 horas sem se comer.

Prefira refeições mais leves, se possível não coma fritura , nem comidas muito condimentadas, cuidado na hora de temperar a salada!

Bebidas gasosas tipo refrigerantes e bebidas a base cafeína , como cafés e chá preto só vão piorar seu estado.

Evite comer também frutas muito acidas como laranja, limão, tangerina, abacaxi, maracujá, elas vão fazer seu estomago arder ainda mais.

Para uma dieta ideal é preciso passar por um especialista, porém alguns alimentos podem ser ingeridos sem tranquilamente por pessoas com gastrite.

Alimentos permitidos: Leite, queijo fresco, ricota, chá de camomila, erva-doce, erva-cidreira, melissa, espinheira santa, sopas magras, carnes magras desfiadas, picadas, moídas, ensopadas, cozidas, assadas, grelhadas, ovos cozidos, poché, quentes, verduras e legumes bem cozidos, frutas (exceto as mencionadas acima), pães brancos, bolachas Maria, maizena e água e sal, arroz, macarrão simples e legumes como batata, mandioca, mandioquinha todos cozidos.

Para quem pensa sofrer de gastrite nervosa, vai um alerta: ESSA DOENÇA NÃO EXISTE!

Quando o paciente está com dor e não se encontra nada na endoscopia, costuma-se chamar popularmente de gastrite nervosa. Mas, o estresse emocional sozinho não é causa de lesões no estômago ou duodeno. Situações de estresse podem desencadear sintomas de dispepsia, podem também atrasar a cicatrização de lesões existentes, mas individualmente, nunca causarão gastrite ou úlcera.

A vida corrida faz com que nos alimentemos muito mal. Estamos sempre comendo com pressa e qualquer “porcaria “ na maioria das vezes, isso sim vai nos garantir uma bela Gastrite em um futuro muito próximo!

O Bom mesmo é evitar, como diria o ditado popular “melhor prevenir do que remediar”, não é mesmo?!

Não disperdesse sua saúde, comece hoje mesmo a se alimentar melhor!

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

3 Comments - Add Comment

Reply