Dieta colorida: cores de alimentos que emagrecem e fazem bem

Muitas pessoas enfrentam o desafio de conseguir emagrecer. A tarefa de perder peso requer disciplina, tanto no que diz respeito à alimentação como também…

Muitas pessoas enfrentam o desafio de conseguir emagrecer. A tarefa de perder peso requer disciplina, tanto no que diz respeito à alimentação como também a prática de exercícios físicos.

A dieta colorida é a solução para melhorar a saúde e emagrecer. (Foto:Divulgação)

Quem faz dieta precisa tomar cuidado para não exagerar nas restrições alimentares, principalmente quando se tratam de medidas radicais. Renunciar a determinados alimentos pode até emagrecer, mas oferece riscos para a saúde, devido à falta de nutrientes no organismo.

Saiba mais: Dieta: cuidados para perder peso

Dieta colorida: como funciona?

Uma forma de conseguir perder peso sem colocar a saúde em perigo é investindo na dieta colorida. O método de emagrecimento defende a ideia de que o prato deve ser colorido e valorizar a combinação de alimentos naturais. Além de favorecer a eliminação dos quilinhos indesejados, a dieta também ajuda a prevenir doenças.

A dieta colorida valoriza a variedade de verduras, legumes, frutas e raízes no decorrer da reeducação alimentar. Não existe uma regra exata capaz de estabelecer a proporção dos alimentos de acordo com as cores, mas é recomendado manter o controle para não comprometer a saúde ou a boa forma física.

Um prato colorido apresenta uma variedade de nutrientes. (Foto:Divulgação)

As cores dos alimentos e os seus benefícios

Veja a seguir os alimentos que podem ser incluídos na dieta colorida, separados por grupos:

Branco: alimentos como leite, queijo e batata são fontes de cálcio e potássio. Eles contribuem com o funcionamento do corpo, melhoram a imunidade, fortalecem os ossos e regulam os batimentos do coração.

Verde: grupo formado por vegetais folhosos, pimentão e salsão. Os alimentos são ricos em clorofila e vitamina A, por isso ajudam a desintoxicar o organismo, protegem o coração e inibem substâncias causadoras de doenças.

Leia Também:  Principais penteados para cabelos afros

Vermelho: os alimentos desta cor são capazes de estimular a circulação sanguínea, como é o caso do tomate, do morango e da melancia.

Cada cor de alimentos naturais tem os seus benefícios. (Foto:Divulgação)

Laranja e amarelo: este grupo é capaz de combater os radicais livres, manter o sistema nervoso saudável, prevenir o envelhecimento e aumentar a imunidade. Entre os alimentos que oferecem estes benefícios, vale ressaltar a cenoura, a abóbora, a manga, o maracujá e o mamão.

Marrom: os alimentos naturais desta cor são ricos em fibras e vitaminas do complexo B, por isso melhoram o funcionamento do intestino e reduzem a ansiedade. Entre os itens que compõem o grupo, estão as nozes, as castanhas e os cereais integrais.

Roxo: os alimentos desta cor são poderosos antioxidantes, retardam o envelhecimento, previnem doenças cardiovasculares e reduzem o risco de câncer. O pigmento está relacionado à vitamina B1, responsável pela transformação dos nutrientes em energia. O grupo é formado por jabuticaba, amora, uva, ameixa, beterraba, repolho roxo, figo e alcachofra.

Aproveite os benefícios das cores dos alimentos e monte uma dieta em prol da saúde e da boa forma.

Veja também: Aumentar a imunidade ajuda a emagrecer

Top