Dicas para ter pés de princesa

Confira Dicas para ter pés de princesa. Nada melhor do que ter pés bem cuidados e sempre poder usar rasteirinha ou chinelo de dedo…

Por Redacao em 11/09/2014

Confira Dicas para ter pés de princesa. Nada melhor do que ter pés bem cuidados e sempre poder usar rasteirinha ou chinelo de dedo sem medo. Inverno ou verão, os pés precisam de cuidado em qualquer estação. Na verdade o inverno é a pior época para os pés, pois a pele resseca, aparecem manchas e rachaduras. O frio e o constante uso de calçados prejudica bastante a saúde dos pés. Sem falar que com as baixas temperaturas e pouca umidade, o risco de contaminação por fungos aumenta.

Conheça o tratamento capilar que usa fogo

Dicas para ter pés de princesa - Nada melhor do que ter pés bonitos e saudáveis (Foto: Divulgação)

Dicas para ter pés de princesa

Existem diversos cuidados que devem ser tomados com os pés para que eles fiquem sempre bonitos e saudáveis. Confira abaixo dicas para ter pés de princesa:

Hidratação – A hidratação é essencial e recomendada sempre após o banho. Você pode colocar uma meia para intensificar a ação do produto.

Confira: Cuidados na hora de dormir que interferem na sua pele

Limpeza – Lave bem os pés e os coloque em uma bacia com água morna. Deixe os pés de molho por alguns minutos. A água quente além de relaxar, ajuda a remover as peles mortas na hora de fazer as unhas.

Os pés precisam de cuidados em todas as estações (Foto: Divulgação)

Esfoliação – Remova as células mortas e as bactérias do tecido cutâneo com uma esfoliação, que também é muito importante, faça uma mistura caseira de açúcar e mel e aplique semanalmente.

Óleo de amêndoas – O óleo de amêndoas aplicado nos pés com movimentos de massagem ajuda a revitalizar a pele da região.

Previna problemas antes que eles apareçam

Um pé de princesa não tem micose, chulé, rachadura ou calo, por isso é importante saber evitar estes problemas antes que eles apareçam. Além das dicas para ter pés de princesa, confira como prevenir:

Micose – É a contaminação de pele, pelos e unhas por fungos. Sapatos muito fechados e que aumentam o suor podem promover a proliferação de fungos. Não secar os pés direito também causa micose.

Mantenha os lábios hidratados em qualquer época do ano

Chulé – O mau cheiro é provocado pelo suor excessivo e piora quando há falta de higiene, o que leva ao aumento de fungos e bactérias. O chulé é resultado de pés úmidos, abafados, pouco asseio e sapatos que não são limpos com frequência. Passe talco antes de colocar as meias.

É importante deixar os pés de molho na água quente (Foto: Divulgação)

Rachadura – É caracterizada por um espessamento intenso da camada de células mortas da pele, que acontece, geralmente, por aumento de peso ou traumas repetitivos. O uso de hidratantes à base de ureia todas as noites ajuda muito e facilita o lixamento domiciliar semanalmente. Também é importante não andar descalça.

Calo – É uma lesão provocada por algum trauma mecânico, como calçados muito apertados.  nos casos iniciais, indica-se aplicações com cáusticos para diminuir a espessura da calosidade e cessar a dor. Para prevenir evite calçados apertados.

 

Top