Dicas para pagar as despesas de final de ano

Quem quer festejar neste final de ano precisa estar com o bolso preparado. São gastos com festas, almoços, jantes especiais, presentes e com uma…

Por Paulo Lima em 14/12/2012

Quem quer festejar neste final de ano precisa estar com o bolso preparado. São gastos com festas, almoços, jantes especiais, presentes e com uma série de despesas que, se não forem bem planejadas, podem fazer com que você comece o ano novo no vermelho.

IPVA, iPTU e material escolar são algumas das despesas que esperam os brasileiros no início do ano. (Foto: Divulgação).

É ainda mais importante manter o controle sobre a situação por causa das contas que esperam a maioria dos brasileiros nos meses de janeiro e fevereiro, como IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotores), matrícula do colégio, IPTU (Imposto sobre Propriedade Territorial Urbana), material escolar, entre outros.

Por isso, para você não passar sufoco nesta época festiva, separamos algumas dicas que o ajudarão a não se atrapalhar com os gastos extras. Confira!

Veja também: Pagar IPVA à vista ou a prazo – o que é melhor.

Dicas para pagar as despesas de final de ano

O ideal é colocar os gastos de fim de ano no papel com o máximo de antecedência. (Foto: Divulgação).

Planejar é fundamental para você comemorar o Natal e o Ano Novo sem preocupações. Colocando no papel com o máximo de antecedência todas as despesas que terá na realização da ceia e na compra dos presentes você vai poder preparar melhor o seu bolso. Além disso, se programando meses antes da festa começar as chances de você ter alguma surpresa desagradável é menor.

Outra orientação importante, mas que pouca gente coloca em prática, é não usar todo o décimo terceiro salário nas comemorações. Procure guardar parte desse dinheiro para um investimento futuro ou para pagar as despesas que sempre aparecem no ano novo (IPVA, IPTU, matrícula escolar, compra do material).

Saiba como reduzir o valor do IPTU.

Colocando essas dicas em prática você vai poder aproveitar as festas de fim de ano sem grandes preocupações. (Foto: Divulgação).

Exageros na compra dos presentes também devem ser evitados. Alguns, para surpreender os amigos e familiares, acabam gastando mais do que devem e, consequentemente, comprometendo o seu orçamento. Usando a criatividade, você pode presentear seus entes queridos com ótimas lembranças e sem muito investimento.

Muita gente também aproveita esta época do ano para reformar a casa, viajar e realizar atividades que demandam um gasto maior. Se este é o seu caso e você pretende pagar as despesas de forma parcelada tome cuidado para não separar mais do que 30% da sua renda mensal com prestações. Além disso, analise bem para ver se este é o momento mais apropriado para você fazer este tipo de investimento. Às vezes, esperar é a melhor solução.

Colocando essas e outras dicas em prática você vai poder festejar o Natal e o Ano Novo sem grandes preocupações. Aproveite, procure mais orientações e não comece 2013 com a corda no pescoço!

Top