Dicas para lidar com os negócios familiares

Abrir uma empresa em familiar á algo comum para os brasileiros, porém, por não saber como lidar com algumas situações pode fazer com que…

Por Élida Santos em 09/01/2012

Trabalhar em família exige disciplina (Foto: Divulgação)

Abrir uma empresa em familiar á algo comum para os brasileiros, porém, por não saber como lidar com algumas situações pode fazer com que o sucesso do empreendimento torne-se um fracasso e a causa do fechamento do negócio. Para evitar esse tipo de problemas algumas dicas são fundamentais para que a empresa, seja lá de pequeno, médio ou grande porte, dê resultados e seja competitiva.

Pode parecer óbvio, mas ser profissional e saber separar os problemas pessoais dos profissionais é o princípio de tudo. Mesmo quando trabalhamos em um local longe da família, com pessoas “estranhas”, os problemas pessoais devem ser deixados de lado e profissionalismo é tudo. Na teoria essa dica é absurdamente óbvia, colocá-la em prática que é uma encógnita. Imagine trabalhar com sua esposa, e por um motivo qualquer você tem um discussão em casa, esse desentendimento não pode afetar a rotina de trabalho. Deixe para debater os problemas do escritório no escritório, e os problemas particulares em casa.

Determine um salário para cada membro da empresa familiar (Foto: Divulgação)

Outro problema que leva a empresa familiar ao fracasso é má administração do dinheiro que o empreendimento arrecada. A maioria das pessoas pegam o dinheiro do caixa para pagar contas de casa. O correto é determinar um salário para cada pessoa que trabalha no negócio e o dinheiro que sobra deve ser aplicado na própria empresa. Para que essa organização seja eficaz o ideal é que apenas uma pessoa tome conta do dinheiro e que todos os gastos da empresa sejam avaliados, pois sempre é possível economizar de alguma forma.

Não deixe os problemas particulares interferirem no trabalho (Foto: Divulgação)

Para que o negócio familiar tenha futuro é necessário se especializar. Busque cursos na sua área de atuação e estude a concorrência para saber como o mercado está se comportando. Além disso, faça cursos de empreendedorismo para saber como administrar o seu negócio. Uma pessoa muito boa em uma determinada área é um bom profissional, o que não quer dizer que seja um bom empreendedor, por isso, almeje o conhecimento para aperfeiçoar o seu negócio. Depois de seguir essas dicas com certeza a sua empresa familiar irá prosperar e começará a servir de exemplo para outras empresas do segmento. Aposte no seu diferencial e conquiste mais espaço no mercado.

Top