Dicas para escolher um esporte para a criança

Existe um momento do qual os pais passam a se preocupar com as atividades extracurriculares ou esportes para os filhos. Como cada criança possui…

Existe um momento do qual os pais passam a se preocupar com as atividades extracurriculares ou esportes para os filhos. Como cada criança possui sua individualidade, é comum surgirem dúvidas quanto ao melhor esporte que o pequeno irá se adaptar e ter mais benefícios. Saiba mais sobre o assunto e confira dicas para escolher um esporte para a criança.

Escolha o esporte certo para a criança. (Foto: divulgação)

Esporte para criança

Para resolver o problema, é preciso levar em conta a personalidade, os gostos, capacidades corporais, possibilidades e necessidades da criança. Não deixe de consultar a opinião do pequeno e pedir que ele surgira algo. Se você não conseguir identificar qual a atividade mais indicada para seu filho, experimento algumas e auxilie ele a eleger uma delas.

Depois de escolher, os pais devem ficar atentos e observar os reflexos que a prática está oferecendo para seu filho e principalmente se está sendo benéfica ou maléfica para ele. É importante levar em consideração a faixa etária e valorizar o gosto da criança na pratica. A criança não deve se sentir obrigada a fazer o que os pais escolheram.

As brincadeiras prediletas da criança podem indicar qual atividade ou esporte que mais combina com ele. Procure manter o foco nos comportamentos que a criança mais demonstra. Veja se ela gosta de correr, pular, jogar bola e a escolha pode direcionar ao esporte.

Aposte nas dicas de esportes para as crianças. (Foto: divulgação)

Dicas para escolher um esporte para a criança

1. Criança hiperativa: o xadrez é um jogo de concentração muito bom para a criança. A dança, artes marciais, natação e futebol atuam na energia corporal da criança e oferecem disciplina para os hiperativos.

2. Criança agressiva: o judô e a capoeira são jogos indicados, já que auxiliam na concentração e canalização da agressividade, ensinando o pequeno a usar as forças somente nos tatames. Além disso, ajuda a desenvolver disciplina e noções de limites.

Leia Também:  Benefícios da natação para os bebês

3. Criança tímida: as atividades em grupo proporcionam melhoria do contato social e interação. É preciso notar se o pequeno está participando ou se fica de fora, especialmente por ser tímido. Os esportes como futebol, handebol, basquetebol e voleibol.

4. Criança distraída: para quem apresenta dificuldade de concentração pode indicar a natação, dança, tênis e ginástica olímpica, atividade que proporcionam concentração nos movimentos. O importante é apoiá-las, perder, ganhar e ensinando que podemos errar.

Escolha o esporte que mais agrada seu filho. (Foto: divulgação)

Os esportes são excelentes opções para a saúde das crianças. É preciso saber qual o esporte mais indicados para crianças levando em consideração as necessidades e limites de cada classe. Procure ajuda de um profissional especializado para indicar o esporte mais indicado para seu filho.

Top