Dicas para escolher o vestido de festa certo

As mulheres costumam sentir dificuldades para escolher o modelo de vestido ideal para cada ocasião. Na verdade, não basta apenas selecionar uma peça bonita,…

Por Isabella Moretti em 30/11/2011

As mulheres costumam sentir dificuldades para escolher o modelo de vestido ideal para cada ocasião. Na verdade, não basta apenas selecionar uma peça bonita, é preciso que ela tenha um bom caimento no corpo, valorize as tendências e corresponda às necessidades do uso. A variedade de opções também costuma interferir na escolha certa.

Há nas lojas vestidos para todos os gostos e situações, mas antes da compra, é recomendado que a mulher prove a peça e veja se combina com sua silhueta. Os consultores de moda ainda destacam que um bom vestido é aquele que consegue destacar as partes bonitas do corpo e disfarçar defeitos.

Antes de escolher um vestido, também é importante considerar as restrições e exigências da festa, afinal, alguns eventos obrigam o uso de peças longas. Em ocasiões informais e descontraídas, os vestidos longuete, estampados e curtos são bem aceitos.

Escolhendo o vestido perfeito para a festa

– Longos: há vários modelos bonitos, confortáveis e sofisticados, como por exemplo, as peças em modelagem seca e acinturada. Para quebrar a monotonia de uma única cor, vale à pena apostar na assimetria, nas costas de fora, no bordado e no brilho. Os vestidos longos são requisitados em festas elegantes durante a noite.

– Estampados: as mulheres podem apostar nesse modelo de vestido, principalmente durante os meses de verão. É fundamental que as peças sejam confeccionadas com tecidos leves e com movimento. Há várias opções de estampas de vestido para se usar numa festa informal, mas antes da escolha leve em conta o seu biótipo.

Listras horizontais aumentam o corpo das mulheres, tal como os contrastes de certas cores. Para evitar que a silhueta pareça maior, a estampa mais adequada é a floral assimétrica, que além de tudo disfarça o volume da barriga e dos quadris.

– Diferentes recortes: deixar as costas ou os ombros à mostra são algumas das opções de costura que fazem sucesso na confecção de vestidos. As mulheres precisam ainda tomar cuidado com as peças muito insinuantes, ou seja, com recortes exagerados que visam captar a sensualidade. O decote é outro ponto que deve ser observado. Quem tem seios pequenos não deve escolher modelos de vestidos tomara-que-caia, porque criam um efeito de “achatados”. Já os seios grandes não combinam com decotes muito acentuados ao passo que deixa o visual vulgar.

Há modelos de vestidos para festa bem versáteis, como é o caso do tubinho, alcinha e frente única.

Top