Dicas para criar Curió – cuidados

Pássaro nativo do Brasil, o Curió é famoso pelo seu canto. Seu habitat natural costuma ser as florestas subtropicais, mas, frequentemente, são encontrados em…

Por Redacao em 20/01/2012

O pássaro Curió é capaz de cantar até 40 assobios diferentes (Foto:Divulgação)

Pássaro nativo do Brasil, o Curió é famoso pelo seu canto. Seu habitat natural costuma ser as florestas subtropicais, mas, frequentemente, são encontrados em criadouros comerciais e nos lares dos apreciadores da espécie. A característica principal deste animal está no canto e na sua capacidade de imitar outros sons.

Esta ave ornamental possui muitas características a respeito da sua criação. Para que a reprodução resulte em pássaros de qualidade, é preciso averiguar a origem genética dos progenitores e trabalhar o processo desenvolvimento do canto. O criador é o principal responsável pela formação de um Curió de excelência, isso porque ele aprende o canto entre o terceiro e o décimo sétimo dia de nascimento.

Quem deseja ter um pássaro desta espécie, com um canto talentoso, deve ter alguns cuidados. O primeiro é  separar o macho reprodutor das fêmeas solteiras; e as que estão chocando dos filhotes desmamados. Eles devem ficar em ambientes separados para que a mistura de sons não influencie o filhote de forma negativa e irreversível.

O Curió pode viver até 30 anos em cativeiro (Foto:Divulgação)

Outro cuidado a se ter com os filhotes é quanto a alimentação. Evite dar larvas, aranhas ou cupins, pois a melhor alimento para esta espécie na infância é a ração específica para Curió. Ela é de baixo custo e oferece muitas vantagens para a saúde da ave, além de facilitar a vida do dono. Se as fêmeas se acostumarem a este alimento, a ninhada também se adaptará.

Curiosidades

Esses passarinhos são interessantes e possuem algumas particularidades. Uma delas diz respeito ao canto, vistos eles serem capazes de emitir até quarenta assobios diferentes. Para o treinamento, muitos donos utilizam gravações em CD com o canto de alguns curiós de destaque, tanto para ensinar os filhotes quanto para aperfeiçoar o som dos adultos.

Outras curiosidades:

– A espécie tem um tempo de vida que varia de 8 a 10 anos na natureza e 30 anos em cativeiro;

–  Estas aves são marrons, mas, durante um período do ano passam por uma troca de penas e elas tornam-se pretas na região das asas e  vinho na  barriga;

– As fêmeas são capazes de colocar, no máximo, três ovos em cada ninhada;

–  Seu tamanho é de 10 à 13 centímetros.

Um Curió mede aproximadamente 13 centímetros (Foto:Divulgação)

Um Curió é um ótimo pássaro para se criar, uma vez que, produz sons incríveis, além de serem bonitos para alegrar o ambiente domiciliar. Quando bem cuidados, estes animais podem sobreviver por mais tempo do que sobreviveriam na natureza e ter melhor qualidade de vida também.

Top