Dicas para acertar no papel de parede

O papel de parede é um tipo de acabamento versátil, charmoso e capaz de transformar o visual de um determinado ambiente. Por muito tempo…

Por Isabella Moretti em 25/04/2012

Papel de parede no quarto de casal deixa a atmosfera mais romântica.

O papel de parede é um tipo de acabamento versátil, charmoso e capaz de transformar o visual de um determinado ambiente. Por muito tempo ele esteve esquecido na decoração, mas acabou ressurgindo em novos modelos para a alegria dos arquitetos e decoradores.

Prático e revolucionário, o papel de parede é capaz de contribuir com o estilo de um determinado espaço da casa. Ele reveste uma superfície de maneira singular, transformando as percepções dos moradores e rompendo com certos padrões que já se tornaram maçantes na decoração.

O papel de parede proporciona a experiência com novos materiais, cores, texturas e estampas, sendo assim um importante componente para criar dinamismo na decoração e até mesmo alegrá-la. No entanto, é necessário tomar alguns cuidados com a escolha do produto para que ele realmente valorize a proposta do espaço decorado.

É fundamental ressaltar que o papel de parede não assume apenas caráter estético em casa, ele também serve para proteger o espaço vertical e criar efeitos ópticos na decoração. Como o produto não atua sozinho no visual de uma área, ele também precisará manter o equilíbrio e a harmonia com os outros elementos integrantes, incluindo, piso, móveis e acessórios.

Como escolher papel de parede?

O papel de parede floral deixa o banheiro charmoso.

• Antes de comprar o papel de parede, é importante avaliar o espaço onde ele será aplicado dentro de casa. Numa área ampla, todo o espaço vertical pode ser revestido com o produto, mas no caso de um lugar pequeno, é recomendado escolher pontos estratégicos para não sobrecarregar a identidade visual;

• É importante conhecer a metragem do lugar da aplicação, assim fica mais fácil adquirir o papel de parede no tamanho certo. No caso de áreas estreitas, procure evitar o uso de um modelo com figuras grandes e coloridas, prefira cores suaves e texturas lisas para decorar;

• O papel de parede ideal deve valorizar o estilo predominante na decoração, reforçando assim uma estética retrô, moderna, romântica, divertida, clássica, entre outras;

• Os efeitos causados pelo papel de parede variam de acordo com as cores e padronagens. Por exemplo, para deixar a divisão da casa mais ampla, é recomendado usar um modelo com tons claros e riscas (verticais ou horizontais). Já os papéis de parede com padrões geométricos são perfeitos para cobrir áreas com imperfeições;

• Em ambientes da casa com maior circulação de pessoas, é recomendado adquirir um papel de parede mais duradouro e preferencialmente revestido com vinil. Quando bem cuidado a peça que compõe o acabamento pode durar até 10 anos.

Escolha um papel de parede duradouro e que valorize o estilo da decoração.

Aproveite as dicas e acerte no papel de parede!

 

Top