Dicas essenciais para dieta do Hipotireoidismo

Veja dicas essenciais para dieta do hipotireoidismo. Essa doença autoimune se desenvolve quando a pessoa apresenta algum tipo de problema na tireoide, ou seja,…

Veja dicas essenciais para dieta do hipotireoidismo. Essa doença autoimune se desenvolve quando a pessoa apresenta algum tipo de problema na tireoide, ou seja, na glândula responsável por regular a produção de hormônios do metabolismo. Nesse caso, o órgão não produz quantidade suficiente, por isso a saúde acaba sendo diretamente impactada.

Dicas essenciais para dieta do Hipotireoidismo. (Foto Ilustrativa)

A tiroide se encarrega de produzir dois tipos de hormônios: triiodotironina (T3) e a tetraiodotironina (T4). Quando os níveis estão abaixo do normal, a pessoa sofre com hipotireoidismo. Por outro lado, se as taxas são elevadas, o organismo é afetado pelo hipertireoidismo.

Leia mais: Hipotireoidismo ou hipertireoidismo: qual a diferença?

As pessoas que sofrem de hipotireoidismo costumam apresentar alguns sintomas típicos, como cansaço frequente, raciocínio lento, dificuldade para perder peso, unhas secas e quebradiças e sonolência. No entanto, é possível conviver com essa doença autoimune tomando os medicamentos receitados pelo médico e apostado numa dieta adequada.

Dicas essenciais para dieta do Hipotireoidismo

Os medicamentos receitados para hipotireoidismo se encarregam de estabilizar a produção da tireoide. Contudo, também vale à pena adotar uma reeducação alimentar para minimizar os sintomas.

Confira a seguir dicas essenciais para dieta do hipotireoidismo:

Aposte na gema de ovo

Quem sofre de problemas na tireoide deve incluir a gema de ovo na dieta. Esse alimento possui iodo e vitamina D, dois compostos que regulam os hormônios tiroidianos nos ossos.

Carne vermelha e peixes

Aposte na carne vermelha. (Foto Ilustrativa)

A carne vermelha é uma fonte de vitamina B6, por isso estimula a produção dos hormônios da tireoide. Já os peixes de água salgada, como o salmão e a sardinha, oferecem quantidades significativas de cálcio e iodo para a dieta.

Leia Também:  Peças que não podem faltar no guarda-roupa masculino

Coma frutos do mar

Os frutos do mar, como lagostas, ostras e camarões, fornecem boas doses de iodo para o organismo, regulando os níveis de T3 e T4. Esses alimentos também fornecem cálcio para o corpo e, portanto, contribuem com os ossos.

Cereais integrais e sementes

Cereais integrais e sementes. (Foto Ilustrativa)

Os portadores de hipotireodismo devem adquirir o hábito de consumir cereais integrais, pois esses alimentos são poderosas fontes de magnésio. As sementes, como linhaça e semente de girassol, também são recomendadas, já que possuem nutrientes que ativam o metabolismo.

Saiba mais: Fernanda Souza conta como controlou hipotireoidismo

Laranja e castanhas

Por causa do alto teor de vitamina C, a laranja contribui com o organismo de quem sofre de hipotireoidismo. O nutriente reforça o sistema imunológico e tem ação antioxidante. As castanhas também são importantes para o cardápio, devido à grande quantidade de selênio.

Alguns alimentos devem ser consumidos com moderação para não afetar a saúde. Doces e alimentos processados, por exemplo, não são saudáveis para quem sofre de problemas na tireoide.

As castanhas melhoram o funcionamento da tireoide. (Foto Ilustrativa)

Existem diferentes males que acometem a tireoide, portanto, é preciso consultar com um nutricionista para elaborar uma dieta correta para cada quadro. Em geral, os especialistas recomendam uma dieta equilibrada, sem toxinas e que prioriza alimentos naturais.

Veja também: Hipotireoidismo: será que você tem?

Coloque em prática as dicas essenciais para dieta do hipotireoidismo. Com certeza você vai sentir os benefícios de um cardápio balanceado em poucas semanas. No mais, continue no Mundo das Tribos e veja outras matérias sobre saúde.

 

Top