Dicas de turismo no rio de Janeiro

Falar em opções de lazer no Rio de Janeiro é, talvez, uma das tarefas mais tranquilas de se fazer, pois o Rio é o…

Falar em opções de lazer no Rio de Janeiro é, talvez, uma das tarefas mais tranquilas de se fazer, pois o Rio é o turismo em pessoa (ou melhor, em cidade). Em relação à natureza, nem se falar mais nada. A beleza do Rio chega a ser escandalosa. Um lugar que a todo o momento lhe joga aos olhos praias espetaculares, morros sinuosos, curvas delineadas e um sol que encharca tudo de brilho. Bom, não é à toa que “Cidade Maravilhosa”, uma alegre marcha de carnaval, foi escolhida em votação pupolar para ser o Hino Oficial do Rio. Além disso, é uma cidade de História. E História, assim, com “H” maiúsculo.

Afinal, basta lembrar que até meados do século XX o Rio de Janeiro foi a capital do país. Por lá passaram os principais políticos, artistas, escritores… ou seja, todos os personagens que construíram a identidade de uma cidade que é o cartão-postal do Brasil. Até os americanos se renderam e criaram um personagem – conhecido no mundo todo – típico daquelas paragens: o Zé Carioca.

Além disso, o Rio de Janeiro é a cidade da arte, da cultura e – talvez a melhor parte – do Carnaval. O berço do samba – “Pelo Telefone”, de autoria do carioca Donga, é considerada a primeira composição do gênero. A terra do teatro brasileiro (que tem em Nélson Rodrigues, dramaturgo, jornalista e torcedor doente do Fluminense, como seu principal baluarte). E um pólo artístico, das mais diversas áreas, efervescente. Atualmente, um dos principais locais para se visitar no Rio, e que agrega todas essas característica, é a Lapa.

Principalmente após a revitalização que a região sofreu. São dezenas de bares e casas de show localizadas num dos pontos mais tradicionais da cidade. Dicas: veja as programações da Fundição Progresso (http://www.fundicaoprogresso.com.br/) e do Circo Voador (http://www.circovoador.com.br/), pois sempre há músicos de renome nacional e internacional se apresentando nesses espaços. Caso prefira um chope e uns petiscos, vá ao Carioca da Gema, ao Belmonte ou ao Bar da Boa. Mas nem esquente a cabeça em decidir por um desses três, pois eles são vizinhos de esquina e ficam todos no cruzamento da Avenida Mem de Sá com a Rua do Lavradio.

E, obviamente, não poderiam faltar os pontos tradicionais, os quais os visitantes não podem falar de jeito nenhum e, se possível, ainda devem visitar ao som de Bossa Nova, seja no iPhone, no MP3, no celular ou até contratando um trio para levar a tiracolo:

Corcovado

Copacabana

Ipanema

Pôr do sol na Pedra do Arpoador

Pão de Açúcar

Há também muitos tours ecológicos espalhados pela cidade, que possui a maior floresta urbana do mundo: a Floresta da Tijuca. Para mais informações, guias de onde ficar, onde comer, o que visitar, como chegar, que esporte praticar, guia GLBT, visite o site www.rioguiaoficial.com.br, da Riotur, que é completo e ajuda muito o visitante.

Top