Dicas de livro-reportagem

Os livros reportagens são um gênero literário e jornalístico no qual o autor sempre narra de maneira muito detalhada um fato ocorrido. Geralmente esses…

Os livros reportagens são um gênero literário e jornalístico no qual o autor sempre narra de maneira muito detalhada um fato ocorrido. Geralmente esses livros contam com muitas pesquisas, depoimentos e entrevistas, a ponto de trazer grandes revelações sobre o tema abordado, de modo que a história seja retratada de forma extensa, com grande riqueza de detalhes.

Confira algumas dicas de livros-reportagens:

Nicarágua: a Revolução das Crianças (Foto: Divulgação)

Nicarágua: a Revolução das Crianças, de Caco Barcellos

Livro do renomado jornalista Caco Barcellos, que comando o programa Profissão Repórter da Rede Globo. O livro lançado no ano de 1982 trata sobre a experiência de Caco na revolução sandinista, grande revolução que mudou o destino da Nicarágua, onde muitas crianças e adolescente lutaram como adultos pelo futuro de seu país. Entre uma das histórias contadas está a de Zapote, um garotinho de apenas 11 anos que comandava um grupo de pequenos soldados na trincheiras das ruas de Masaya. Dentre as responsabilidades do garoto estava às ordens aos seus soldados (muitos com apenas 9 anos de idade) e a obediência a mãe, que sempre lhe mandava voltar para casa cedo. De acordo com Barcellos, a verdadeira revolução das crianças.

Hiroshima (Foto: Divulgação)

Hiroshima, John Hersey

O livro nasceu de uma reportagem publicada na revista “The New Yorker”, em 1946, um ano após a Segunda Guerra Mundial e o ataque nuclear de Hiroshima, que matou mais de 150 mil pessoas, em sua grande maioria civis, e deixou milhares de feridos e sequelados. Nesta publicação, Hersey conta a história de seis sobreviventes do ataque, mostrando para o mundo que as vítimas desse horror não são apenas mais uma série de números nas estatísticas, mas sim pessoas que sentem e que tiveram suas vidas destruídas.

Leia Também:  Superstições na sexta-feira 13

Hiroshima’ é um verdadeiro clássico entre os livros-reportagens, tanto que acabou influenciando o modo como os americanos viam a Segunda Guerra Mundial, assunto velado pelo governo da época. A obra fez com que a marinha norte-americana se retratasse sobre a utilização da bomba nuclear, dizendo que foi um ato precipitado.

Dica: Livros Chick Lit

Notícia de um sequestro (Foto: Divulgação)

Notícia de um sequestro, Gabriel García Márquez

O livro de Gabriel García Márquez reconta a história de uma série de sequestros praticados por traficantes de drogas colombianos, na década de 90. Em sua investigação, Márquez colheu depoimentos de diversas vítimas e utilizando-se de informações precisas, revelou o terrível mundo dos cativeiros e torturas.

 Livros de Cacos Barcellos

Top