Dicas de como Combater a Calvície Feminina

Editorial MDT 15/04/2016 Notícias

Os cabelos são o ponto fraco de qualquer um quando se trata de aparência, especialmente das mulheres. A preocupação com as madeixas é compreensível, afinal como elas são a moldura do rosto, qualquer mudança poderá fazer grande diferença no visual, seja no corte ou na cor, tanto que a primeira coisa que pensamos em fazer quando estamos decididas a dar um up no look é justamente nele.

Em função da importância que ele tem na aparência, muitas mulheres morrem de medo de cortá-lo, mas até aí é normal, afinal trata-se de uma escolha própria. O problema é quando entra em jogo um problema que sequer julgávamos ser nosso: a calvície.

Isso mesmo. Embora seja mais comum ver homens sofrendo com a perda dos cabelos, as mulheres também podem sofrer com a calvície e como resultado a tendência delas é sofrer mais. Com a costumeira preocupação com a aparência, perder um daqueles que são os maiores símbolos de feminilidade pode provocar baixa autoestima e prejudicar muito a vida social.

De acordo com o padrão mais comum de surgimento da calvície feminina é o afinamento e diminuição do tamanho dos fios de cabelo, especialmente no centro da cabeça. Segundo o site, é difícil que uma mulher fique totalmente careca, mas na menopausa o problema pode se agravar.

Em geral, a evolução é lenta. Muitas mulheres demoram a se dar conta da situação, que pode começar a partir dos 20 anos, mas notando apenas quando já conseguem enxergar o couro cabeludo ao se olhar no espelho. Embora aconteça lentamente, disfunções hormonais podem fazer com que isso seja mais perceptível. Além disso, o modo como tratamos as madeixas no dia-a-dia podem não ser as mais indicadas: atos que parecem tão naturais como uso de secador e chapinha e tratamentos químicos podem fazer com que a calvície seja mais acentuada, ou seja: uma mãozinha para o inimigo.

Tratamento:

É preciso procurar a orientação médica para avaliar se a queda de cabelo pode estar acontecendo por outros fatores. Caso se trate mesmo de calvície feminina, é preciso começar o tratamento o quanto antes, sabendo de antemão que este poderá se estender por um longo tempo. Podem ser feitos com loções ou remédios, e a forma de tratamento dependerá de qual for o caso.

Caso o tratamento não funcione, existe outra alternativa, como é o caso do transplante de cabelo. Este é indicado para quem tem entre 23 e 85 anos, sendo que o cabelo transplantado é o da própria pessoa, retirando-os da região da nuca, preparadas e transplantadas para onde a calvície se manifesta. O resultado final aparece cerca de um ano após o procedimento. O preço mínimo do tratamento é de R$ 5.000. Seja como for, qualquer uma das opções exige paciência.

Seja qual for a causa, é importante cuidar da saúde dos fios. Cuidados como evitar lavar o cabelo com água quente ou maneirar no uso da chapinha ou do secador e ter uma alimentação saudável podem amenizar um pouco o problema. Independente disso, não deixe de procurar ajuda especializada. Quanto mais cedo melhor.

OBS: O valor citado acima está sujeito a alteração. O preço foi consultado em 12/07/2011.

Outros artigos

Viagem Para Suécia Pacotes, Preços

07/06/2011

Viagem Para Suécia Pacotes, Preços

  Viagem Para Suécia Pacotes, Preços: Para quem sempre sonhou em conhecer a Suécia, vale lembrar que esse sonho está mais próximo de se tornar realidade ...

Concurso na Área da Saúde MG 2010

19/05/2010

Concurso na Área da Saúde MG 2010

Foi aberto concurso através da Prefeitura Municipal de Ibirité (MG) onde são oferecidas 420 vagas de emprego em cargos na área da saúde. As vagas são para todos ...