Dicas de Beleza Masculina

E aí? Você é do tempo em que homem que era homem no máximo fazia a barba ou se preocupava com a queda de…

E aí? Você é do tempo em que homem que era homem no máximo fazia a barba ou se preocupava com a queda de cabelo? Então saiba que essa época – felizmente – já passou.

Nos últimos anos os moços estão perdendo a vergonha de se cuidar. Se antes isso era visto com desconfiança, hoje a rotina de cuidados dos rapazes com a aparência não é mais motivo de constrangimento.  Desde a década de 1990 é cada vez mais comum vê-los em salões de beleza, clínicas de estética ou na seção de cosméticos das lojas do ramo: lugares que em outros tempos eram domínios exclusivamente femininos.

Os motivos que os levaram a frequentar esses espaços são os mais variados: a boa aparência pode ser uma arma de conquista, uma necessidade quanto ao mercado de trabalho (onde o visual adequado pode significar confiabilidade) ou apenas vaidade. Afinal, quem não gosta de se cuidar?

Aos poucos, a preocupação com a estética tem deixado de lado o velho estigma de futilidade. Atualmente ela tem sido vista como uma entre tantas formas de buscar o equilíbrio e o bem-estar, duas das expressões mais faladas nesses dias em que saúde e autoestima andam de mãos dadas.

A tendência é mundial, e o Brasil está longe de ser exceção: por aqui o setor de beleza masculina já movimenta cerca de R$ 800 milhões, que representam 10% desse mercado de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e cosméticos (Abihpec). Embora muitos homens ainda relutem em assumir a vaidade, a estimativa é que essa fatia de mercado se tornar ainda maior, afinal os investimentos em linhas de produtos diferenciadas são crescentes:  perfumes com aromas discretos, hidratantes em gel para facilitar a absorção devido aos pelos, produtos capilares e sabonetes com fórmulas mais apropriadas aos anseios masculinos e também os já conhecidos cremes anti-idade.

Sim, isso mesmo que você leu: ou por acaso pensou que eles não se preocupam com o envelhecimento?

Se está curioso em saber mais, ou pensa em se cuidar mais um pouco, aí vão algumas dicas bem simples:

  • O melhor momento para fazer a barba é a hora do banho. O vapor evita a inflamação dos poros, e sem contar que o barbear fica mais fácil.
  • Já se você usa barba, preste atenção no sabonete: dê preferência aos sem sal, pois não mancham o pelo nem ressecam a pele. Agora se os fios forem muito ásperos e secos, o condicionador de cabelo é uma boa alternativa.
  • Cuidado para não exagerar no gel para modelar. Esse tipo de produto abafa o couro cabeludo e sobrecarrega a química do cabelo. Mas caso você não abra mão desse recurso, dê preferência a mousses hidratantes.
  • Cuide da sobrancelha: você pode depilá-las com ajuda da pinça, mas tire apenas os excessos. Isso dá ao rosto um aspecto mais leve.
  • A pele masculina tende a ser mais oleosa que a feminina, portanto a limpeza é fundamental. Caso você tenha acne, faça isso uma vez por mês.
  • Não se esqueça do protetor solar.

Viu só? Nem é tão difícil assim…


Top