Dicas de alimentação para quem tem rotina corrida

É mais do sabido que a saúde e a beleza têm como principal aliado a alimentação correta. Hoje, mulheres e homens vivem uma rotina…

É mais do sabido que a saúde e a beleza têm como principal aliado a alimentação correta. Hoje, mulheres e homens vivem uma rotina muito corrida e estressante. Fica muito difícil seguir uma dieta que contenha os nutrientes necessários à saúde, à energia e à queima de calorias. Entre as consequências, estão, o corpo cansado, o ganho de peso, colesterol e outros problemas de saúde, além do comprometimento da beleza. É preciso adotar hábitos alimentares que, embora pareçam trabalhosos, irão garantir a melhoria da qualidade da alimentação para quem tem rotina corrida

Com a rotina corrida, sobra pouco tempo para preparar uma alimentação saudável (Foto: Divulgação)

Café da manhã

Para não se render àquele salgado gorduroso das lanchonetes, é preciso se dedicar a um café da manhã que contenha fibras, pois elas ajudam a manter a saciedade, por mais tempo. Os alimentos integrais também são ótimos para isso. A dica de café da manhã para quem tem pouco tempo é tentar substituir o leite comum pelo de soja. Ele combate o colesterol e previne contra doenças do coração e tipos de câncer. Junto ao leite, dê preferência para torradas ou pães integrais, além de uma fruta.

Lanches naturais e frutas podem ser facilmente carregados e consumidos (Foto: Divulgação)

Acontece, porém, que muitas pessoas têm uma vida tão corrida, que saem de casa sem alimentação alguma. Estas pessoas acabam comendo bobagens, depois de algumas horas ou, no horário de almoço, estão muito famintas e abusam da refeição. É preciso, neste caso, carregar na bolsa ou mochila alguns alimentos simples e saudáveis para lanches rápidos. Barras de cereal ou frutas estão entre as melhores opções. São fáceis de serem carregadas e consumidas. Pode-se, inclusive, comê-los durante o trajeto para o trabalho. O importante é não ficar, por longas horas, sem alimentação. Deve-se reservar alimentos para serem consumidos, a cada três horas, pois o metabolismo energético fica lento, após esse período. Então, o organismo passa a acumular gordura.

Leia Também:  Café da manhã de verão, dicas e combinações

Outra dica é consumir chás, ao longo do dia. Para isso, invista em uma garrafinha térmica. Os chás de cor clara são ótimos para o organismo, principalmente o chá verde, que é oxidante, previne cânceres e afasta as doenças do coração.

Como fazer os lanches

O ideal é consumir alimentos saudáveis, a cada três horas (Foto: Divulgação)

A dica é reservar um horário para preparar lanches rápidos, destinados ao dia seguinte. À noite, por exemplo, pode-se preparar os alimentos saudáveis para o dia corrido. Prepare lanches com pão integral, queijo ricota ou maionese light. Abuse de ingredientes como cenoura, tomate e folhas. Outras verduras e legumes podem ser usados, de acordo com o gosto pessoal. Evite, porém, queijos amarelos, requeijões e outros produtos calóricos. Envolva-os em filme plástico ou papel alumínio. Faça o mesmo com as frutas, que devem estar devidamente lavadas e secas.

Pode-se programar, diariamente, o número de refeições rápidas para o dia. Entre frutas, lanches, barras de cereal ou castanhas (que também enganam a fome, de forma saudável; porém, não se pode abusar delas), divida-os, ao longo do dia, conforme a sua necessidade. Por exemplo, uma fruta pode ser consumida, no lanche antes do almoço ou três horas após. No fim do dia, a caminho de casa ou da faculdade, pode-se consumir o lanche, pois a fome será maior. No intervalo entre as aulas, consuma outra fruta ou barra de cereal. A forma como os alimentos serão consumidos irá depender das necessidades de cada um.

Para finalizar, é importante não se esquecer dos cuidados, ao realizar as refeições principais. Dê preferência a uma dieta balanceada e leve.

Aprenda algumas receitas: Receitas de sanduíches light

Leia Também:  Como fazer molduras para quadros passo a passo

Saiba por que levar frutas, na bolsa: Benefícios das Frutas

Top