Dia do lixo na dieta: cuidados, o que comer

O dia do lixo na dieta é aquele em que você pode comer o que gosta. No entanto, pizza, lanches e doces continuam restringidos.…

O dia do lixo na dieta é aquele em que você pode comer o que gosta. No entanto, pizza, lanches e doces continuam restringidos. O que passa a ser permitido na verdade são os carboidratos bons, os quais são encontrados em macarrão, arroz integrais, batata doce, entre outros.

Durante uma dieta severa as taxas de leptina – hormônio que regula o metabolismo – despencam e, com isso o corpo passa a perder menos calorias. É por isso que o dia do lixo na dieta é recomendado. Comendo carboidratos fará com que este hormônio volte ao normal, fazendo o corpo trabalhar novamente.

Cuidados

O que passa a ser permitido na verdade são os carboidratos bons, como o macarrão, por exemplo.(Foto Divulgação)

Os carboidratos liberados na dieta são os considerados bons, isto é, de baixa taxa glicêmica. A restrição dos carboidratos provindos de pizzas, lanches e sorvetes, de elevadas taxas glicêmicas faz com que a insulina produzida pelo organismo suba em picos, restringindo o fator de crescimento IGF-1. Inibindo este hormônio há redução da síntese muscular, que compromete a manutenção da massa muscular.

Leia mais: Dieta do carboidrato: Alimentos permitidos e proibidos

Este método é recomendado para quem está começando uma dieta. Uma pessoa que nunca fez uma dieta, não deve cortar tudo drasticamente. O organismo deve ir se acostumando com o tempo a deixar de desejar alimentos como estes.

O dia do lixo na dieta é aquele em que você pode comer o que gosta. (Foto Divulgação)

Em casos como estes, recomenda-se liberar duas refeições, as quais devem ser em fins de semana e no meio do dia. Após um tempo, corte mais um dia da refeição “lixo” até chegar num ponto em que seu organismo esteja acostumado a ficar sem estes tipos de alimentos.

Continuar Lendo  Beleza Natural: Maquiagem Leve

Veja também: Erros mais comuns ao fazer dieta

Hábitos que devem ser evitados

Aliando a dieta à atividades físicas, será ótimo para perder alguns quilinhos. (Foto Divulgação)

1. Evite refrigerantes. Inclusive os zero e light. Além de conterem elevado teor de sódio – responsáveis pela retenção de líquidos – essas bebidas possuem aspartame, substância responsável pela gordura visceral;

2. Deixe seu corpo descansar em fins de semana;

3. Faça as refeições em horários corretos, geralmente de três em três horas;

4. Não abuse de carboidratos.

Com força de vontade para evitar a tentação de alimentos gordurosos e disposição para realizar atividades físicas, as quais são essenciais para o sucesso do regime, você conseguirá perder facilmente os quilinhos indesejados.

Confira ainda: Dieta dos pontos: vantagens, benefícios, saiba mais

Top