Descubra as belezas milenares da Grécia

Redacao 03/11/2011 Bem Estar

“Ele parece um deus grego”, “Ela é uma deusa grega”. A beleza, tão presente na filosofia grega, nos discursos e nos seus deuses, pode ser conferida também no próprio país. Viajar para este lugar está saindo mais barato por conta da crise financeira na Europa, portanto, os brasileiros podem arrumar as malas e conhecer um dos lugares que abriga belezas milenares.

A começar pela Acrópole, que teve sua construção iniciada em Atenas, capital, no ano 5 A.C. Ela é composta por três templos, um enorme portão e dois teatros. A entrada é o Propileus, e  a partir dali, é possível ver o Pártenon e outros templos: o Erectéion e o de Atena Nique. Infelizmente não é possível entrar nelas por conta de proibição feita em 1975.

O Pártenon é muito antigo, data de 447 A.C e foi pedido para ser construído por Péricles, especialmente para Atena, a deusa que protegia o local. A obra levou nove anos para ser concluída e conta com uma arquitetura que ressalta linhas retas e curvas.

Outro lugar impressionante da Grécia é o Museu da Acrópole, que abriga estátuas da mesma data em que Atenas foi criada. Além disso, o visitante pode conferir fragmentos de estátuas de frontões de cenas mitológicas e fragmentos dos frisos de Pártenon e Erectéion.

O Museu Benáki conta com a arte do povo grego: joias, peças litúrgicas, artesanato, artefatos egípcios, trajes regionais, bordados gregos e objetos que fizeram parte da história da Grécia, desde o século 3 A.C. até os dias atuais. Também há exposições temporárias.

Além da parte histórica, o turista também deve conhecer as famosas ilhas gregas, sendo Mykonos a mais bela de todas. Para conhecer uma delas o tempo médio é de três dias, pois, há horários de barcos que não correspondem com o tempo disponível que o turista tem.

Algumas delas não são tão turísticas e para conhecê-las, é preciso obter informações só no local, o que atrasa a viagem. De qualquer jeito, são tão belas que vale a pena esperar. Os cruzeiros passam por diversas ilhas e acabam ficando pouco tempo em cada uma delas, mas de qualquer jeito, é uma forma de conhecê-las. O melhor mesmo, é traçar um plano já contando com transportes e reservas para poder conhecer um pouco mais de cada uma delas.

Como são diversas delas, a viagem para poucos dias fica um pouco complicada, mas descomplica a partir do momento em que se define um arquipélago para usufruir e um pedaço continental.

Outros artigos

Mitos e verdades sobre cabelo cacheado

16/04/2013

Mitos e verdades sobre cabelo cacheado

O cabelo cacheado, além de muito bonito e vistoso, permite que uma gama de penteados seja montada. Quem tem os cabelos lisos bem sabe como é dificultoso o processo d...

Gazeta Online ES

27/02/2011

Gazeta Online ES

A gazeta Online de ES tem como objetivo manter as pessoas informadas das noticias que acontecem no mundo todo, ela trás informações sobre política, esportes, possu...