Depois de pouco mais de cinco meses no espaço, nave russa retorna à Terra

A nave russa Soyuz TMA-02M voltou à Terra nesta terça-feira (22). Os três tripulantes a bordo, o cosmonauta russo Sergey Volkov, o astronauta americano…

A nave russa Soyuz TMA-02M voltou à Terra nesta terça-feira (22). Os três tripulantes a bordo, o cosmonauta russo Sergey Volkov, o astronauta americano Michael Fossum e o japonês Satoshi Furukawa, aterrissaram com sucesso nas estepes do Cazaquistão por volta das 0h25 (horário de Brasília) após cinco meses e meio de missão, informou o Centro de Controle de Voos (CCVE) da Rússia.

O programa que era para durar apenas 161 dias teve que adiar mais 6 dias de retorno ao planeta graças ao acidente de nave de carga Progress M-12M em agosto. Eles deviam ter chegado em 16 de novembro.

“A tripulação suportou bem a descida e a aterrissagem. Os tripulantes estão de bom humor”, contou um dos membros das equipes de resgate locais da CCVE, acrescentando que para uma maior segurança foram necessários três aviões e oito helicópteros para acompanhar a aterrissagem.

De acordo com as imagens divulgadas pela TV local Rossiya 24 os tripulantes estavam felizes com a volta à casa.

A viagem da Estação Espacial Internacional (ISS), onde a cápsula estava acoplada, até às estepes cazaques durou cerca de três horas e meia. Durante o projeto os tripulantes também passaram por momentos de tensão. Um deles aconteceu em 26 de junho quando tiveram que se proteger na nave devido à ameaça de colisão com lixo espacial.

 

 

Top