Declaração simplificada de IR: saiba mais

O prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda 2013 termina no dia 30 de abril. Ela pode ser enviada pela internet…

O prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda 2013 termina no dia 30 de abril. Ela pode ser enviada pela internet ou em disquete nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Economia Federal. O contribuinte que entregar a declaração fora do prazo terá que pagar multa de, no mínimo, R$165,74.

Quem deve declarar o Imposto de Renda 2013

O prazo para a entrega da declaração do IR 2013 termina no dia 30 de abril. (Foto: Divulgação).

Neste ano, deve prestar contas a Receita Federal quem recebeu rendimentos tributáveis cuja soma exceda o valor de R$24.556,65, e rendimentos isentos ou tributados exclusivamente na fonte acima de R$40 mil.

Com relação à atividade rural, devem entregar a declaração aqueles que obtiveram a posse ou a propriedade de bens ou direitos de valor total superior a R$300 ou obtiveram receita bruta superior a R$122.783,25.

Confira as novas regras do imposto de renda 2013.

Saiba mais sobre a Declaração simplificada de IR

A declaração simplificada é indicada para quem possui uma única fonte pagadora e tem poucos gastos que podem ser deduzidos. (Foto: Divulgação).

Ao declarar o seu imposto de renda, o contribuinte tem a opção de escolher entre a declaração completa ou simplificada. Apesar da regra para decidir qual modelo é mais vantajoso ser simples, muitos ficam em dúvida na hora de tomar essa decisão.

A declaração simplificada é indicada para quem possui uma única fonte pagadora e tem poucos gastos que podem ser deduzidos, como despesas com educação e saúde. Jovens em início de carreira se encaixam bem neste perfil, já que não possuem filhos ou dependentes e não recebem salários muito altos.

Neste tipo de documento, o valor do desconto, que substitui todas as deduções de quem opta pelo modelo completo, é de no máximo R$14.542,60 ou de 20% da renda sujeita ao imposto. No ano passado, ele estava limitado a R$13.916,36.

Continuar Lendo  Quando vale a pena trocar pontos do cartão de crédito

Saiba quais são os erros mais comuns ao fazer declaração de IR.

No modelo simplificado, o valor do desconto é de, no máximo, R$14.542,60. (Foto: Divulgação).

Por isso, a declaração simplificada não é uma boa opção para quem obteve um maior número de gastos dedutíveis. Caso eles excedam 20% dos seus rendimentos ou ultrapassem o valor de R$14.542,60, então vale à pena optar pelo modelo completo.

Porém, caso tenha aplicações em renda fixa, bolsa de valores e fique em dúvida na hora de realizar os cálculos, você pode fazer uma simulação para verificar qual é o melhor modelo. Conforme você vai preenchendo o formulário da declaração, o próprio sistema exibe os valores que serão restituídos ou pagos no modelo completo e simplificado.

No ano que vem, os brasileiros terão ainda mais facilidade na hora de elaborar sua declaração. Isso porque a receita deve lançar um projeto de preenchimento automático, destinado ao contribuinte que possui uma única fonte de renda e escolhe o modelo de declaração simplificado.

Top