Curso de engenharia civil PUC SP

Para o vestibular 2012 a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC –  São Paulo) oferece novos cursos, dentre essas novidades está a graduação…

Para o vestibular 2012 a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC –  São Paulo) oferece novos cursos, dentre essas novidades está a graduação de Engenharia Civil. De acordo com a universidade o curso vem para atender a demanda do mercado, que tende a crescer com a chegada da Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, que terão como sede o Brasil.

Outro fator avaliado pela PUC – São Paulo para promover o curso de Engenharia Civil foi o crescimento do ramo de construção civil na área que se refere a casas e apartamentos a preço popular. O  Secovi-SP (Sindicato da Habitação de São Paulo) o números de moradias construídas no Brasil devem crescer de 5% a 10% para atender a demanda.

Em estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostrou que, se a economia brasileira apresentar um crescimento médio de 3,5% ao ano, o estoque de profissionais não será suficiente para atender a demanda por engenheiros já em 2012.

O professor Francisco Sevegnani, coordenador do curso, diz que há um consenso entre especialistas de que o país enfrentará escassez de mão de obra de engenheiros nos próximos anos. “O mercado de trabalho está altamente aquecido e necessita de profissionais bem formados”, afirma Sevegnani.

Com a nova graduação, a Universidade pretende contribuir com sua qualidade acadêmica para ampliar a formação e a oferta de engenheiros para o desenvolvimento do país. Para tanto, o profissional graduado pela PUC – São Paulo terá caráter generalista, ou seja, estará preparado para atuar em qualquer uma das principais áreas de trabalho do setor: construção civil, de estruturas, fundações e obras de terra, hidráulica, saneamento e transportes.

Além disso, a graduação em Engenharia Civil da instituição de ensino utilizará a metodologia de Aprendizagem Baseadaem Projetos (ABP).  O método prevê elaboração de diversos projetos relacionados a área, o que possibilita maior participação do aluno, desenvolvendo no graduando o interesse pela pesquisa, e o faz entrar em contato, desde cedo, com habilidades que serão exigidas pelo mercado de trabalho como, por exemplo, a capacidade de inovar e trabalhar em grupo.

Top